Topo

UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão


Palmeiras evita salário de R$ 3 mi a Ricardo Goulart por paz em vestiário

Ricardo Goulart em ação pelo Guangzhou Evergrande, da China. Atacante mantém conversas para jogar no Palmeiras - AFP PHOTO / STR
Ricardo Goulart em ação pelo Guangzhou Evergrande, da China. Atacante mantém conversas para jogar no Palmeiras Imagem: AFP PHOTO / STR
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte

15/01/2019 04h00

A diretoria do Palmeiras se recusa a pagar o salário de Ricardo Goulart de maneira integral. O jogador ganha mais de R$ 3 milhões por mês no Guangzhou Evergrande, da China, e precisará topar receber menos para acertar com o atual campeão brasileiro ou torcer para que os chineses topem bancar a maior parte de seus vencimentos. O principal argumento na negociação é a manutenção da paz e do bom ambiente no vestiário.

Há o entendimento que um atleta que seja contratado com esses valores no clube poderia gerar insatisfação de outros que estão na fila por uma renovação. Dudu, por exemplo, teve algumas sondagens dos chineses e já ouviu da presidência que poderia receber um aumento para seguir no Palestra Itália. (Por Danilo Lavieri)

Mais UOL de Primeira