Liga espanhola denuncia cânticos racistas de torcida do Real Madrid

Do UOL, em São Paulo

  • Gerard Julien/AFP Photo

    Técnico Diego Simeone foi alvo de ofensas como 'chifrudo' e 'índio bicha'

    Técnico Diego Simeone foi alvo de ofensas como 'chifrudo' e 'índio bicha'

A Liga de Fútbol Profesional, entidade que organiza do Campeonato Espanhol, anunciou nesta quinta-feira a intenção de denunciar parte da torcida do Real Madrid por cânticos racistas na partida do último final de semana contra o Atlético de Madri.

A partida do último sábado, válida pela 26ª rodada do Campeonato Espanhol, foi realizada no Estádio Santiago Bernabéu. Na ocasião, o Atlético venceu por 1 a 0, graças a um gol de Antoine Griezmann.

Segundo a LFP, um grupo de torcedores identificados com um cartaz que dizia 'Fans RMCF' (abreviação do nome completo do Real Madrid) cantou provocações no segundo tempo ao técnico do Atlético, Diego Simeone. Entre elas, frases como "Simeone chifrudo" e "índio bicha". Índio é um termo jocoso de natureza discriminatória que os espanhóis utilizam para se referir a latino-americanos.

Ainda de acordo com a notificação da LFP, os cânticos foram repetidos me pelo menos três ocasiões no segundo tempo. As manifestações se restringiram a um grupo de cerca de 1,5 mil torcedores localizados em determinado setor do estádio, e não foram acompanhados pelos demais torcedores.

O comunicado da entidade organizadora do Campeonato Espanhol lembra medidas que o Real Madrid toma para evitar tais incidentes. Entre elas, cartazes de orientação à torcida, revista de torcedores nos acessos ao estádio e registro por câmeras das atividades nas arquibancadas.

Por enquanto, a LFP não divulga se o clube será punido pelas manifestações.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos