Manchester United demite Van Gaal e deve confirmar Mourinho

Do UOL, em São Paulo

  • Jason Cairnduff/Reuters

O Manchester United confirmou a demissão do técnico holandês Louis Van Gaal nesta segunda-feira, informa a emissora britânica BBC. É esperado para terça-feira o anúncio do português Jose Mourinho como seu substituto.

A demissão ocorre dois dias após a conquista da Copa da Inglaterra pelo clube. Porém, o título não aliviou a pressão por uma campanha irregular, culminando com a quinta colocação no Campeonato Inglês e a ausência na próxima Liga dos Campeões.

Van Gaal, assim, encerra a sua passagem pelo Manchester antes do final de seu contrato, válido até a metade de 2017. Segundo a BBC, o técnico tinha um salário anual de 6,4 milhões de libras, o que fez o Manchester passar os últimos dias tentando negociar uma redução no valor para o momento da demissão.

As duas temporadas de Van Gaal como técnico marcam uma queda significativa de performance do clube no Campeonato Inglês em relação ao período de Alex Ferguson. O treinador se despede com 39 triunfos em 76 jogos na Premier League, um índice de vitórias de 51,3%. Ferguson conseguiu 65,2% em 810 jogos. David Moyes e Ryan Giggs tiveram índice de 50% na temporada 2013/2014.

A provável chegada de Mourinho representa para o Manchester a expectativa de voltar a conquistar o título inglês, o que não consegue desde 2012/2013. O ex-técnico do Chelsea tem o maior índice de vitórias por jogo na liga do país: 66%.

O time espera também melhorar o aproveitamento ofensivo. A temporada encerrada na ultima semana marcou a pior marca do ataque do clube no Campeonato Inglês desde 1989/1990: foram apenas 49 gols em 38 jogos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos