Jornal: Lesão é constatada e Coutinho desfalca Liverpool por até 6 semanas

Do UOL, em São Paulo

  • AFP / Paul Ellis

O brasileiro Philippe Coutinho ficará entre cinco e seis semanas afastado dos gramados por conta de uma lesão no tornozelo sofrida no último sábado, na vitória do Liverpool sobre o Sunderland por 2 a 0. A informação é do jornal inglês "Daily Mail". O brasileiro se envolveu em uma dividida com o gabonês Didier Ndong e deixou o gramado do Anfield de maca. 

O lance foi ainda no primeiro tempo do jogo, mas o diagnóstico da lesão só saiu nesta segunda-feira (28), após uma série de exames. O meia-atacante não precisará passar por cirurgia. O técnico Jurgen Klopp já tinha expectativas ruins do que poderia acontecer com o jogador, tanto é que antes mesmo dos resultados serem divulgados ele já tinha se manifestado de modo pessimista.

"Temos que esperar o último exame e aceitar o que for. O melhor seria Coutinho não ficar fora, mas isso não é provável", declarou o treinador em entrevista coletiva.

O técnico apronta o time para as quartas de final da Copa da Liga Inglesa, contra o Leeds, marcada para as 17h45 (de Brasília) desta terça-feira (29). Neste primeiro compromisso após a lesão de Coutinho, destaque do clube, Klopp não contará com Sturridge e Lallana, que também estão contundidos, mas poderá utilizar Roberto Firmino, que tem condições para atuar após dar um susto no sábado.

É possível que Firmino assuma a função de Coutinho na equipe, com a entrada do belga Divock Origi na referência do ataque. O centroavante foi o autor de um dos gols na vitória sobre o Sunderland.

A lesão de Coutinho não preocupa a seleção brasileira, já que o próximo compromisso da equipe treinada por Tite será apenas em março.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos