Maradona pede justiça após morte de torcedor em clássico argentino

Do UOL, em São Paulo

A morte de um torcedor argentino no final de semana provocou a reação do maior ídolo do futebol do país. Nesta terça-feira, em sua conta no Facebook, Diego Maradona lamentou o falecimento de Emanuel Balbo, de 26 anos.

No último sábado, Belgrano e Talleres empataram em 1 a 1, em clássico da cidade de Córdoba válido pela 20ª rodada do Campeonato Argentino. Na torcida do Belgrano, Emanuel Ezequiel Balbo se envolveu em uma briga e tentou fugir, mas acabou atirado das arquibancadas. As autoridades locais anunciaram a morte cerebral no domingo, mas o óbito só foi confirmado no dia seguinte.

Nas redes sociais, Maradona publicou uma foto de uma manifestação popular pedindo justiça para o caso. Em um breve texto, disse torcer para que os responsáveis pela morte sejam punidos.

"Quero expressar minha dor pelo acontecido na partida Belgrano x Talleres, em Córdoba. Mando um sentido abraço à família de Emanuel Balbo. E me somo a esta marcha contra a violência. Tomara se, desta vez, seja feita justiça", disse o ex-camisa 10.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos