Como mulher de conselheiro corintiano foi dona de 5% de promessa da base

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Conhecido no Corinthians por ser o padrinho de Andrés Sanchez na política do clube e por sua forte ligação com as divisões de base, o conselheiro vitalício Manoel Ramos Evangelista, mais conhecido como Mané da Carne, registrou direitos econômicos do jogador Lucas Roncato em nome de sua esposa. Márcia Regina da Silva, até o fim do ano passado, foi dona de 5% do lateral que foi vice-campeão da Copa São Paulo em 2014.

Segundo apurou o UOL Esporte, o Corinthians concedeu essa porcentagem por uma queixa de Mané, que alegava ter direito a valores da venda do zagueiro Marquinhos à Roma. Assim, a divisão de Roncato, firmada em 2014, foi de 5% para a esposa do conselheiro, 30% para a empresa Data Soccer e 65% ao Corinthians. Marquinhos e Roncato têm o mesmo agente, Giuliano Bertolucci.

O jogador permaneceu vinculado ao Corinthians até os 22 anos, e a propriedade perdeu valor com o fim de seu contrato após empréstimo ao Tigres-RJ.

Para ler mais sobre essa e outras notícias dos bastidores do futebol, acesse a coluna De Primeira, exclusiva para assinantes UOL.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos