Uefa investigará Spartak por "desordem" da torcida contra Liverpool, diz TV

Do UOL, em São Paulo

  • John Sibley/Reuters

    Sinalizadores acesos durante confronto entre Spartak Moscou e Liverpool na Rússia

    Sinalizadores acesos durante confronto entre Spartak Moscou e Liverpool na Rússia

De acordo com reportagem da emissora britânica "Sky Sports", a Uefa vai investigar a torcida do Spartak Moscou pela "desordem" causada durante partida contra o Liverpool. O jogo, disputado nessa terça-feira (27), terminou empatado em 1 a 1 pela segunda rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões.

Durante o confronto, o senegalês Sadio Mané, do Liverpool, foi alvo de ofensas racistas da torcida do Spartak, que imitava o som de macacos quando o jogador tocava na bola.

O incidente incomodou Mané, que pediu que a torcida parasse durante a comemoração do gol do Liverpool, marcado por Philippe Coutinho. Não adiantou, e as ofensas continuaram até os 26 minutos da etapa final, quando o senegalês foi substituído por Daniel Sturridge.

Durante a partida, a torcida do Spartak ainda acendeu sinalizadores nas arquibancadas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos