Luan vê novo contrato como prêmio e lembra: "Falei que ia renovar"

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Luan trata a renovação com o Grêmio como um reconhecimento. Um prêmio. Por tudo que fez desde 2015, quando se tornou titular e dia após dia virou fundamental ao time. Um dia depois de garantir presença na final da Copa Libertadores, e de assinar a prorrogação até 2020, o meia-atacante evitou falar do futuro. Lembrou da promessa que fez, ao descartar saída livre, e declarou que se sente mais maduro na atual temporada.

Grêmio e o estafe de Luan se acertaram horas antes do segundo jogo contra o Barcelona-EQU. O acordo mudou a divisão dos direitos econômicos do jogador e também definiu a multa rescisória em 18 milhões de euros (R$ 68 milhões na cotação atual).

"Isso é do meu caráter, sempre deixei claro desde quando começamos a tratar desse lance da renovação. Falei que ia renovar. Minha intenção nunca foi sair de graça daqui. Por tudo que o Grêmio me proporcionou. Sou muito grato ao clube e nada mais justo do que dar esse retorno. Faz tempo que a gente vinha conversado e era só acertar os detalhes. Falei que não tinha pressa, não tive pressa para sair no meio do ano", disse Luan ao falar da renovação.

Na janela do meio do ano, Luan recusou por duas vezes uma transferência ao Spartak Moscou-RUS. E também não demonstrou interesse em fechar com a Sampdoria-ITA. Agora, ele não comenta sobre a chance de sair ao final da atual temporada no Brasil.

"Isso não tenho como responder agora. Nem eu e nem a direção… Estamos com a cabeça somente nos últimos jogos do ano, na final. Demos mais um passo e isso é coisa para depois", comentou o camisa 7.

No elenco principal do Grêmio desde 2014, Luan ganhou um expressivo aumento e se tornou, também no contra-cheque, um dos protagonistas do elenco. Papel que já vinha exercendo há tempos dentro das quatro linhas.

"Desde quando eu subi, né? Esse reconhecimento veio agora. Em valores foi mais, mas pelo o que eu fiz pelo Grêmio ao longo desses anos… Sempre conquistando títulos, brigando pela ponta da tabela. Já fui eleito melhor do Brasileirão, fui artilheiro do time. O reconhecimento é muito importante, fico feliz", celebrou.

Promessa em 2014, titular no ano seguinte com grande pressão. Decisivo em 2016. E refinado agora, com direito a convocação para seleção brasileira e tudo. O crescimento de Luan é admitido pelo próprio, que ainda reconhece evolução além do campo.

"No decorrer dos anos, com momentos de turbulência após grande expectativa e frustração, eu amadureci. A gente conseguiu dar continuidade no trabalho e manter o bom nível", declarou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos