Eles não saem: Corinthians segura jovens e traça estratégia para o Paulista

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians

    Carlinhos e Guilherme Mantuan, dois dos mais jovens no elenco do Corinthians

    Carlinhos e Guilherme Mantuan, dois dos mais jovens no elenco do Corinthians

A mudança no regulamento de inscrições do Campeonato Paulista para 2018 permitirá ao Corinthians manter grande parte de seus jogadores jovens para a temporada que vem. Mesmo sem muitos minutos na temporada que se encerrou ou possibilidades de titularidade a curto prazo, um grupo grande de garotos está nos planos de Fábio Carille para os jogos do Estadual. 

A princípio, o treinador entendia que alguns deles deveriam sair para receber mais oportunidades e se desenvolver para, com maior rodagem, brigar por um espaço no grupo em 2019. Na temporada de títulos do Paulistão e do Brasileiro, a conclusão de Carille é que o Corinthians teve mais atletas da base do que deveria, com um percentual acima de 50% do grupo. Ter os jovens sem perspectiva de ir a campo, na avaliação do técnico, não seria positivo. 

Porém, a abertura de uma oportunidade ocorreu a partir da mudança de regulamento do Estadual e a consequente liberação do uso de jovens. Até 2017, o Paulista só permitia 28 inscritos, o que normalmente fechava as portas para jovens. Com a pressão de vários clubes, e uma pressão ainda mais forte por parte do Corinthians, a Federação mudou a regra: agora, serão 25 inscritos em uma lista A, mas atletas da base que tenham até 21 anos estão livres para atuar em uma lista B. 

Assim, na reta final do Brasileiro, a comissão técnica e o gerente de futebol Alessandro concluíram que o primeiro semestre poderia abrir perspectivas para os jovens. Abaixo, veja uma breve descrição sobre cada atleta que deve estar nos planos para o Paulista 2018 e por quais razões eles devem ser mantidos:

Guilherme Romão (lateral esquerdo/20 anos) - Diferentemente dos demais, saiu para um empréstimo ao Oeste e foi bem. Será reintegrado e luta por espaço. É provável que o Corinthians adquira dois nomes para a posição - os favoritos, hoje, são Juninho Capixaba (Bahia) e Danilo Avelar (Amiens-FRA). 

Léo Santos (zagueiro/19 anos) - Com poucos nomes na posição, o Corinthians sequer cogitou ceder o jovem que considera uma pérola de sua base. O Paulistão deve ser essencial para Léo atuar, pois em dois anos no profissional ele não somou mais que quatro jogos. 

Mantuan (volante e lateral/20 anos) - O empréstimo dele ao Paraná chegou a ser discutido, mas Carille gosta do jovem, que estreou com os profissionais na rodada final do Brasileiro. Mantuan, além de ser versátil, ajudaria para um possível empréstimo de Léo Príncipe, mais velho. Ele sofreu com lesões no ano encerrado. 

Warian (volante/21 anos) - Ainda sem debutar nos profissionais, o jogador conhecido como Ameixa é o que terá mais dificuldades em atuar. A avaliação é que a posição de volante será a mais concorrida do elenco em 2018 e de que ele, tecnicamente, não está no mesmo nível dos demais. Warian, ainda assim, agrada pela boa marcação e vigor em treinamentos. 

Daniel Augusto Jr/Corinthians
Pedrinho é uma das apostas do Corinthians no ano que vem

Pedrinho (meia/19 anos) - Grande novidade do elenco neste ano, segue o roteiro de Léo Santos: o empréstimo nem foi muito cogitado porque se aposta bastante nele para 2018. O Paulistão é visto como um torneio importante para a transição do garoto que, ao lado de Mantuan, Romão e Carlinhos, venceu a última Copinha. 

Rodrigo Figueiredo (meia/21 anos) - Titular na rodada final do Brasileiro, Rodrigo é visto como um jogador criativo que precisa de maior minutagem para deslanchar entre os adultos. O Corinthians prefere cuidar do atleta mais de perto e acredita que, a médio prazo, possa se tornar a reposição ideal para Rodriguinho. 

Carlinhos (atacante/20 anos) - Carille chegou a declarar que o empréstimo seria a melhor solução para o goleador da última Copinha evoluir, mas a princípio a decisão tomada foi pela manutenção. Em treinamentos de 2017, Carlinhos não conseguiu manter o mesmo rendimento dos juniores, e as aparições pelo time sub-20 durante a temporada também não agradaram tanto. O Paulista é visto como "vai ou racha" antes de uma possível saída. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos