Santos planeja "internar" Diogo Vitor no CT para recuperar jogador

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Ivan Storti/SantosFC

    Diogo Vitor foi pego no exame antidoping com substância presente na cocaína

    Diogo Vitor foi pego no exame antidoping com substância presente na cocaína

O Santos decidiu que não executará a cláusula contratual que permite rescindir o contrato de Diogo Vitor por mau comportamento. O presidente José Carlos Peres e parte de sua diretoria estão empenhados em ajudar o jogador no momento de crise e até discursam internamente que não estão preocupados mais com o lado profissional. Para eles, não importa se o jogador não atuar mais pelo clube, o foco no momento é regenerar o jovem para a sociedade.

Uma reunião entre o presidente, os integrantes do Comitê Gestor, o gerente das categorias de base, Marcos Maturana, e a assistente social do clube, Silvana Trevisan, está agendada para a próxima quarta-feira para alinhar a estratégia de "transformação" de Diogo Vitor.

O UOL Esporte apurou que o Santos planeja inicialmente "internar" Diogo Vitor no CT Rei Pelé ou até mesmo Vila Belmiro. A preferência é pelo CT, com o Hotel Recanto dos Alvinegros. A ideia é acompanhar a recuperação do atleta de perto, evitando más influências externas, cuidado da alimentação e manutenção da forma física com treinamentos em horários distintos do elenco principal.

Após ser pego no exame antidoping com substância presente na cocaína, Diogo Vitor se isolou em seu apartamento em Santos. Ele mora sozinho e não atendeu mais ninguém do clube desde então. A assistente social teme que o jogador possa evoluir para um quadro de depressão e, por isso, o primeiro passo e trazê-lo para o clube.

A diretoria santista também estuda controlar a conta bancária de Diogo Vitor, o que só será feito se o atleta concordar. O jogador teve problemas com empresários no passado e tem suas contas correntes bloqueadas. Por conta disso, o Santos faz o pagamento mensal do jogador de uma forma diferente do restante do elenco.

A intenção é educar o jogador a administrar melhor o seu dinheiro. Diogo Vitor, por exemplo, tem um dos carros mais caros do elenco santista, segundo profissionais do clube. O atleta, que já ficou conhecido nas madrugadas em Santos com o seu Camaro, comprou recentemente uma GLA Mercedes, automóvel que vale mais de R$ 200 mil, dependendo do modelo.

Digo Vitor, apesar dos problemas, é considerado um bom menino por dirigentes, profissionais e jogador do clube. Em geral, todos pedem uma nova chance para o jogador.

"Foi uma surpresa, é o tipo de situação que ninguém espera. Vamos deixar essa decisão (afastamento) a cargo do departamento de futebol. Temos de dar apoio para ele. Ainda não saiu a contraprova. Nós do elenco e o Santos vamos dar total apoio a ele", afirmou o goleiro Vanderlei, um dos lideres do elenco.

O Santos aguarda o resultado da contraprova para montar a defesa do jogador. O clube teme que Diogo Vitor seja pego em um novo exame antidoping, o que pode afetar a sua punição. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos