Valdivia sobre enfrentar o Palmeiras pela Libertadores: "Há uma ansiedade"

Do UOL

Em São Paulo

  • REUTERS/Paulo Whitaker

Jorge Valdivia reencontrará o Palmeiras apenas na próxima quinta-feira, no primeiro confronto entre Colo-Colo e os alviverdes, em Santiago, válido pelas quartas de final da Libertadores. Contudo, o meio-campista revelou, hoje (14), em entrevista coletiva, que está ansioso para o jogo, o qual considera o mais importante da história do time chileno em 21 anos.

"Há uma ansiedade, sabe-se dos anos em que estive no Palmeiras, o carinho que tenho pelo clube. É um jogo muito especial. Uma vez que o jogo começa, torna-se como qualquer outro adversário. Estou ansioso pelo dia. O Palmeiras é um time forte, vimos os últimos jogos deles. É difícil decifrar a equipe do Palmeiras. Eles enfrentam os torneios com diferentes jogadores. É uma equipe que tem jogadores que passam por um bom momento individual", declarou o atleta.

A disputa será tratada pelos chilenos do Colo-Colo de maneira extremamente especial. O clube não conquista vaga para a semifinal da Libertadores desde 1997, quando foi eliminado nesta fase para o Cruzeiro. Por conta disso, Valdivia fez questão de ressaltar a importância da partida.

"Sem dúvida, é o jogo mais importante para o Colo-Colo nos últimos 21 anos. Neste esquadrão nós nos damos muito bem. Sabemos o que estamos errados, o que temos que melhorar e nós dizemos essas coisas cara a cara. Todo mundo que conhece o clube sabe da importância deste jogo. Dos guardas às pessoas que cuidam do tribunal. Nós não queremos que isso acabe aqui ", afirmou o Mago.

Valdivia também aproveitou a entrevista para fazer uma reclamação contra os dirigentes do futebol chileno. Ao contrário do futebol brasileiro, no Chile, as competições são interrompidas durante a Data Fifa. Sem atuar desde o último 2 de setembro, o ex-palmeirense disse ser contra a pausa dos torneios.

"Dizem que vamos chegar à partida mais importante do Colo-Colo dos últimos anos sem ritmo de jogo. A gente gostaria de estar jogando. Não sei porque o campeonato para. Não sei quantos jogadores deixam o campeonato para a seleção, e a ANFP (Associação Nacional de Futebol Profissional) deveria estudar isso porque não sei se é necessário parar a competição. Não são todas equipes que têm jogadores convocados para a seleção", reclamou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos