Santos avança e oferece 2 anos de contrato a Abel, mas Fla segue na briga

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Daniel Vorley/AGIF

    Abel Braga também já discute valor da multa rescisória com o clube paulista

    Abel Braga também já discute valor da multa rescisória com o clube paulista

Após duas reuniões com o estafe do técnico Abel Braga, o presidente do Santos, José Carlos Peres, voltou animado do Rio de Janeiro. Segundo apurou o UOL Esporte, o clube paulista avançou nas negociações e já discute tempo de contrato e multa rescisória.

A diretoria santista ofereceu dois anos de contrato para Abel Braga e também sugeriu o valor da multa rescisória. No entanto, o treinador que está na mira do Flamengo avisou que responderá em breve sobre o que foi ofertado pelos paulistas.

A cúpula alvinegra sonha em anunciar a contratação de Abel na próxima segunda-feira, mas o problema é que o Flamengo segue na briga pelo técnico após Renato Gaúcho, seu plano A, acertar a renovação contratual com o Grêmio por mais uma temporada.

Aliás, há dirigentes na Vila Belmiro que confiam na "vaidade" de Abel Braga para vencer a concorrência com o Flamengo. Eles acreditam que Abelão não aceitará ser o plano B do clube carioca e, por isso, o Santos pode se beneficiar na transação.  

O Santos, inclusive, encabeça o discurso que sequer possui um "plano B" caso Abel rejeite o acordo por duas temporadas. José Carlos Peres fez questão de deixar essa impressão ao estafe do treinador. Eles jantaram juntos na última quinta-feira e "invadiram" a madrugada e depois voltaram a se reunir na sexta-feira.

Abel agora é "plano A" de situação e oposição no Fla

Abel Braga, também favorito ao posto nas duas principais chapas que disputam a eleição presidencial do dia 8 de dezembro. Ricardo Lomba (situação) e Rodolfo Landim (oposição) aprovam a chegada do ex-técnico do Fluminense, que tem boa proposta do Santos na mesa. Até por isso, os Rubro-negros tratam a questão com cautela, embora confiem no acerto.

O comandante já teve contato com as duas chapas e nunca escondeu o desejo de voltar ao Flamengo atual, manifestando elogios ao clube até quando dirigia o Tricolor das Laranjeiras.

A vontade de permanecer no Rio de Janeiro e mudar o mínimo possível a estrutura de vida da família o agrada. Para os envolvidos na conversa, fechar o acordo com Abelão surge como um caminho natural.

Só que o forte interesse do Santos - até com a presença do presidente no Rio de Janeiro - e o assédio de outros clubes deixam as duas correntes políticas em compasso de espera e cautelosas. A decisão pelo nome de Abel aparentemente está tomada. Há, no entanto, o aguardo pelo "sim" do treinador.

Santos oferece R$ 780 mil e parte da comissão técnica de Cuca

O Santos já havia feito uma proposta oficial a Abel Braga por telefone na semana passada. O clube paulista propôs salário de R$ 780 mil por mês para o treinador. O montante é uma espécie de "pacote" que inclui Abel e mais dois profissionais: o auxiliar técnico Leomir de Souza e o preparador físico Manoel Santos.

Apesar de o "pacote" de Abel Braga incluir dois profissionais, a reportagem apurou que o possível novo treinador do Santos ficará com parte da comissão técnica de Cuca. O auxiliar Eudes Pedro e dois analistas de desempenho devem permanecer sob o comando de Abel. Eles ajudarão na transição caso Abelão aceite a proposta santista.

Cuquinha, irmão e auxiliar de Cuca, e o preparador físico, Carlinhos Neves, deixarão o clube paulista após o término do Campeonato Brasileiro. Isso porque Abel não abre mão de trabalhar com o auxiliar, Leomir de Souza, e o preparador físico, Manoel Santos.

Abel Braga é o único treinador que o Santos negocia no momento para assumir o time no lugar de Cuca, que anunciou que dará um tempo com o futebol para operar o coração

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos