Topo

Futebol


Erik salva Botafogo de novo e vira esperança para espantar crise no clube

Erik voltou com tudo ao Botafogo e já virou referência do time em poucos jogos - VITOR SILVA/SSPRESS/BOTAFOGO
Erik voltou com tudo ao Botafogo e já virou referência do time em poucos jogos Imagem: VITOR SILVA/SSPRESS/BOTAFOGO

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

07/02/2019 04h00

Erik foi fundamental na reta final da última temporada quando ajudou o time com grandes atuações e garantiu o Botafogo na elite do futebol nacional. Após quase parar no Palmeiras, o atacante voltou a General Severiano e novamente tem dado conta do recado.

Após ficar de fora da estreia, contra a Cabofriense, Erik assumiu a titularidade. O início de ano do Botafogo foi péssimo, mas, aos poucos, tudo parece voltar à normalidade. E muito disso tem a ver com as decisivas atuações do atacante.

Nos dois jogos em que ele balançou as redes, o Botafogo conseguiu justamente os únicos triunfos da temporada. Após marcar na vitória sobre o Boavista, Erik foi novamente decisivo contra o Defensa y Justicia. A partida já parecia se encaminhar para o 0 a 0 quando ele acertou uma bomba no ângulo para garantir importante triunfo na Sul-Americana.

A relação do jogador com a torcida é fundamental para o bom rendimento de Erik com a camisa do Botafogo. Tratado como xodó desde os primeiros jogos, ele mostra uma recíproca com os torcedores. Sabe que o carinho recebido não ocorreu em outros clubes e gosta do que tem em General Severiano.

"O importante foi não desistir. Vencemos pela boa estratégia e no talento do Erik e do Ferrareis. Futebol se faz de várias maneiras. O importante é acreditar nelas e ir até o final", disse o técnico Zé Ricardo elogiando o poder de decisão do atacante.

Com Erik, o Botafogo volta a campo na próxima quarta-feira, quando visitará o Campinense, no estádio Amigão, na Paraíba. Eliminado da Taça Guanabara, o Alvinegro folga neste fim de semana, quando serão disputadas as semifinais.

André Rocha comenta vitória do Botafogo: "Não jogou para merecer"

UOL Esporte

Mais Futebol