Topo

Santos

No Santos, Sampaoli iguala melhor início de trabalho da carreira

Siga o UOL Esporte no

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

10/02/2019 04h00

O Santos do técnico Jorge Sampaoli começou bem a temporada de 2019 e vai acumulando marcas positivas. Após igualar o início mais artilheiro desde o time de Pelé em 1964, o próprio treinador argentino empatou uma marca pessoal: o melhor início de trabalho da carreira.

Em oito partidas neste ano, o Peixe saiu vitorioso em seis, empatou uma vez e perdeu outra. A derrota, no entanto, foi dura: uma goleada de 5 a 1 do Ituano pela quinta rodada do Campeonato Paulista e que tirou a invencibilidade da equipe.

O aproveitamento é exatamente o mesmo de Sampaoli nos primeiros jogos no comando da seleção do Chile: seis vitórias, um empate (contra o Brasil) e uma derrota (para o Peru). A campanha supera até mesmo a da Universidade do Chile (CHI), o melhor trabalho do argentino em clubes. No time chileno foram cinco vitórias, um empate e duas derrotas.

No entanto, para colocar seu nome na história do Santos como fez nesses dois trabalhos, o treinador precisará conquistar títulos. Com a La U, clube que o fez conhecido no cenário mundial, o comandante venceu uma Copa Sul-Americana e três ligas chilenas. Já com a seleção do Chile, Sampaoli conquistou o inédito título da Copa América, em 2015.

Para superar seu início à frente da seleção chilena, o técnico argentino terá que conquistar três vitórias nos próximos três jogos. Os próximos adversários do Peixe são o River Plate (URU), pela Copa Sul-Americana, o Guarani e o Palmeiras, ambos pelo Paulistão. O primeiro duelo da competição continental já ocorre nesta terça-feira, às 19h15, no estádio Luis Franzini, em Montevidéu, no Uruguai.

Mais Santos