Topo

Futebol


Cruzeiro passa fácil pela Caldense e termina fase inicial do Mineiro em 2º

Bruno Haddad/Cruzeiro
Imagem: Bruno Haddad/Cruzeiro

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

2019-03-20T23:24:22

20/03/2019 23h24

Mesmo já classificado para as quartas de final, o Cruzeiro recebeu a Caldense para defender o segundo lugar e fez bonito no encerramento da primeira fase do Campeonato Mineiro. Jogando no Mineirão, a equipe celeste triunfou por 3 a 0 com gols de David, Marquinhos Gabriel e Fred, todos ainda no primeiro tempo.

Com o resultado, o Cruzeiro terminou a primeira fase com 25 pontos, na segunda colocação. Se chegar à final do estadual, o time só não terá a vantagem do empate caso o adversário seja o Atlético-MG, que ficou em primeiro.

No próximo sábado, o Cruzeiro irá enfrentar o Patrocinense, que ficou em sétimo lugar, no Mineirão. Com a derrota, a Caldense ficou com 13 pontos, mas se classificou para as quartas de final na sexta colocação, e voltará a Belo Horizonte para visitar o América-MG, em partida que deverá ser realizada na segunda-feira.

O melhor: David se destaca

David fez o que se espera dele no Cruzeiro. Caindo pela esquerda, o jogador utilizou seus pontos fortes para ser o cara da partida. Somente no primeiro tempo, o atacante participou de todos os gols da Raposa. Primeiro com o próprio gol, depois com uma assistência. Por fim, puxou a descida que terminou com o tento de Fred.

Cruzeiro dita o ritmo e constrói vitória

Sem esforçar muito, o Cruzeiro não demorou muito para começar a construir a vitória. O primeiro grande lance do jogo foi antes dos cinco minutos. Fred completou o cruzamento da direita, a bola ganhou altura, e o goleiro Omar se esticou todo para impedi-la de entrar no ângulo. Pouco depois, David recebeu o passe de Edilson, a bola resvalou na marcação e voltou para o garoto, que, com o adversário já batido, tocou com tranquilidade para abrir o placar.

Marquinhos Gabriel comprova boa fase com gol

Marquinhos Gabriel já estava colecionando elogios nas ocasiões EM que entrava em campo. Versátil, o jogador foi escalado pelo lado direito dessa vez, mas seguiu a média de boas atuações, agora com seu primeiro gol pelo Cruzeiro. Em uma descida pela esquerda, David usou a velocidade e a habilidade no mano a mano para escapar da marcação e servir o companheiro, que recebeu livre na entrada da área e deu um tapa de primeira no ângulo de Omar. Ainda antes do intervalo, uma nova e rápida trama celeste terminou com o passe de David e assistência de Robinho para Fred, com muita liberdade e tranquilidade, fazer o terceiro.

Caldense busca gol de honra, mas falta qualidade

O segundo tempo começou mais devagar, com o Cruzeiro no pé no freio, embora não tenha deixado de atacar. Apesar da larga desvantagem, a Caldense não se limitou a jogar na defesa e também partiu para o ataque, o que contribuiu para o jogo não ficar tão monótono ou só com uma equipe jogando. Mesmo sem ter ameaçado com chances reais a meta de Fábio, a Veterana produziu algumas ações ofensivas que fizeram o goleiro pelo menos sujar o uniforme. Placar final, 3 a 0.

Menor público do Cruzeiro no ano

A torcida do Cruzeiro não estava animada para ir ao Mineirão. Ao todo, 7.623 pessoas compareceram ao Mineirão (4.340 pagantes). Até então, a vitória sobre o Tombense registrava o menor número de torcedores da Raposa no Mineirão em 2019, com 11.756 presentes. Agora, o time terá duas novas oportunidades de colocar um público maior no Mineirão. No sábado, o duelo será pelas quartas de final do estadual. Na quarta, o compromisso é contra o Deportivo Lara, pela Libertadores, esse com garantia de casa cheia.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 3x0 CALDENSE

Motivo: 11ª rodada do Mineiro
Data/Hora: 20/03/2019, às 21h30 (de Brasília)
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Marco Aurélio Ferreira
Assistentes: Ricardo Junio de Souza e Magno Arantes Lira
Gols: David, 8'1ºT (1-0); Marquinhos Gabriel, 32'1ºT (2-0); Fred, 38'1ºT (3-0)
Cartões amarelos: Fabrício Bruno, Henrique (CRU), Jean, Renan (CAL)
Cartão vermelho: Não teve.
Público/Renda: Ainda não divulgados.

CRUZEIRO: Fábio; Edilson, Fabrício Bruno, Léo e Dodô; Henrique, Ariel Cabral (Lucas Silva); Marquinhos Gabriel, David (Jadson) e Robinho; Fred (Popó). Técnico: Mano Menezes.

CALDENSE: Omar; Carlinhos, Renato, Rodolfo e Edu Pina; Renan, Romário e Baiano (Jean); Judson (Lorran), Júlio e Salatiel. Técnico: Mauro Fernandes.

Mais Futebol