Topo

Empresa de criptomoedas diz que fará novos estádio e CT para o Santos

Roberto Diomedi, do Bolton Holding Group, e José Carlos Peres, presidente do Santos, celebram acordo em 21/3 - Reprodução/LinkedIn
Roberto Diomedi, do Bolton Holding Group, e José Carlos Peres, presidente do Santos, celebram acordo em 21/3 Imagem: Reprodução/LinkedIn

Do UOL, em São Paulo

23/03/2019 12h02

A viagem de José Carlos Peres, presidente do Santos, à China e aos Emirados Árabes em busca de investidores para o clube, pode ter rendido frutos. Por meio de redes sociais, a empresa Bolton Holding Group, cujo principal produto é a moeda virtual Bolton Coin, anunciou neste sábado uma parceria para construção de novos estádio e centro de treinamento para as categorias de base do Peixe. O grupo asiático não divulgou detalhes sobre o acordo e o Santos ainda não se manifesta a respeito do assunto.

LEIA MAIS

O anúncio, porém, tem frases atribuídas ao presidente santista: "Será um novo estádio com uma nova cobertura. A Vila Belmiro é a Meca do futebol brasileiro e merece ser um estádio moderno". O Bolton Holding Group, por sua vez, diz que o projeto dará ao clube um "novo estádio e um novo centro de treinamento para as categorias de base" e que o acordo de parceria foi firmado com Peres na última quinta-feira, 21 de março, na sede da empresa, em Dubai. Há um registro do dia publicado pela empresa, com Peres ao lado do CEO e fundador, Roberto Diomedi.

O principal plano do presidente do Santos nesta viagem era obter receita para revitalizar a Vila Belmiro, o chamado "retrofit". Desde que assumiu a presidência do clube, no início de 2018, Peres fala sobre a modernização do estádio do Santos. Já houve obras neste sentido, como a diminuição de altura dos vidros, construção de um novo setor atrás do gol oposto ao placar e a substituição dos alambrados por vidros baixos. A ideia com o retrofit é ampliar a capacidade do estádio para cerca de 23 mil lugares, além da construção de restaurantes e da transformação do local em um espaço multiuoso. O projeto está orçado em cerca de R$ 150 milhões.

Diomedi já havia postado uma foto ao lado de Peres com papéis timbrados do Santos à mesa e a legenda "dedos cruzados" em reunião no prédio Burj Khalifa, o maior arranha-céu do mundo, de 828 metros de altura e 160 andares. Ele também tem em sua página na internet fotos na Vila Belmiro, no Memorial das Conquistas do Santos, junto com Pelé e na sede do clube na capital. Em um registro de 21 de janeiro ele diz: "Bolton Coin está construindo a Bolton Arena no Brasil para o Santos FC".

Bolton Coin is building the "Bolton Arena" in Brazil for the SANTOS FC

Uma publicação compartilhada por Roberto Diomedi (@roberto_diomedi) em