Topo

Futebol


Coutinho pediu nova posição no Barça, mas agora tem concorrência de Vidal

David S. Bustamante/Soccrates/Getty Images
Coutinho pediu chance no meio-campo, mas agora duela por vaga com chileno Vidal Imagem: David S. Bustamante/Soccrates/Getty Images

João Henrique Marques

Do UOL, de Paris (FRA)

2019-03-28T04:00:00

28/03/2019 04h00

Uma conversa com o treinador Ernesto Valverde deu a Philippe Coutinho finalmente a sensação de ter encontrado o espaço para evoluir na atual temporada do Barcelona. Só que, dias depois, o cenário do meio-campo no clube tornou-se ainda mais complicado, com a aparição do chileno Arturo Vidal como candidato ao posto de titular para a sequência decisiva do time em 2019.

O momento de contestação faz o clássico catalão diante do Espanyol, sábado, no Camp Nou, ser considerado uma prova decisiva para o brasileiro.

VEJA TAMBÉM

O papo de Coutinho com Valverde aconteceu na véspera do duelo contra o Lyon, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões, no Camp Nou. E o apelo foi para que evitasse a obrigação de ser um extremo esquerdo, como é Ousmane Dembélé, e se aproximasse mais do brasileiro Arthur no meio-campo, para armação do time e penetração na grande área. A alteração rendeu efeito prático com o jogador sendo considerado pela imprensa catalã um destaques da goleada por 5 a 2 - ele fez um gol na partida.

A expectativa criada em Coutinho era de que Valverde tinha encontrado a melhor solução para o time sem Dembélé, que se recupera de lesão na perna esquerda e será desfalque nos dois duelos de quartas da Liga dos Campeões, contra o Manchester United. Foi quando Vidal apareceu como um novo candidato ao posto de titular.

No compromisso seguinte do Barcelona, a goleada por 4 a 1 sobre o Betis, fora de casa, o chileno foi o escolhido para ocupar o espaço de Coutinho no meio-campo. Valverde enxergou no volante uma nova alternativa para compactar o time e só colocou o brasileiro em campo aos 45 minutos do segundo tempo, em alteração com Luis Suárez.

Na Catalunha, as declarações elogiosas de Lionel Messi sobre a mudança tática são consideradas pela imprensa como uma tendência de que chileno Vidal será o titular contra o Manchester United.

"O adversário (Betis) gosta de povoar o meio-campo e controla bem a posse de bola. Só que taticamente fizemos um jogo perfeito, e não sofremos. Precisamos nos adaptar sempre. Foram mudanças pontuais e parece que estamos bem preparados para as coisas duras que temos pela frente", destacou Messi ao fim do jogo contra o Betis.

Em outros momentos na temporada, Valverde já havia trocado em Coutinho justamente quando o brasileiro buscava espaço no meio-campo. Foi uma avaliação do treinador de que o time era mais vulnerável defensivamente que o levou a ser concorrente de Dembélé em uma vaga no ataque.

A prova de fogo contra o Espanyol

O Barcelona ainda coloca como dúvida as presenças de Messi e Suárez como titulares no clássico contra o Espanyol neste final de semana. Os jogadores foram desfalques nas seleções de Argentina e Uruguai por conta do foco na partida contra o Manchester United e, assim, deixam espaço para a presença de Coutinho.

Uma boa atuação no clássico deixará Coutinho perto de assegurar a vaga para encarar o Manchester United. De acordo com o jornal catalão Sport, a agremiação azul-grená espera que o brasileiro consiga evoluir em um mês, quando acontecerá uma reunião após as quartas de final da Liga dos Campeões.

A oscilação de Coutinho no Barcelona cria cada vez mais especulações em torno de uma transferência. O jornal catalão Mundo Deportivo publicou nesta quarta-feira uma reportagem citando o assédio do Manchester United sobre o jogador da seleção brasileira.

Mais Futebol