Topo

Futebol


Grêmio faz 3 no R. Central, vence primeira na Libertadores e ganha fôlego

Jeferson Guareze/AGIF
Imagem: Jeferson Guareze/AGIF

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

2019-04-10T23:21:51

10/04/2019 23h21

O Grêmio, enfim, venceu na Libertadores 2019. Hoje (10), em Porto Alegre, o time gaúcho fez 3 a 1 em cima do Rosario Central pela quarta rodada o grupo H. Dono da partida desde o início, a equipe de Renato Gaúcho contou com grande atuação de Jean Pyerre para superar o clube argentino. O tricolor poderia ser eliminado com combinação de resultados, mas com o triunfo ganha fôlego.

O camisa 21, substituto do afastado Luan, abriu o placar e deu passe para Leonardo ampliar na etapa final. O próprio lateral fechou o marcador ao chutar de fora da área. Jonas Aguirre descontou perto do apito final.

Agora, o Grêmio é dono de quatro pontos, mas ainda está atrás de Libertad-PAR e Universidad Católica.

A vitória na Arena do Grêmio deixa o time tricolor vivo, mas ainda dependente de 100% na fase de grupos. O próximo jogo pela Libertadores é diante do Libertad, no Paraguai, no dia 23. Antes disso, a equipe comandada por Renato Gaúcho decide o estadual contra o Internacional.

O primeiro Gre-Nal decisivo é domingo (14), no Beira-Rio, e a segunda partida acontece na quarta-feira (17), na Arena.

Quem brilhou: Everton

Dribles, chutes de média distância e de dentro da grande área. Everton voltou a ter atuação digna de protagonista do Grêmio - como em 2018. Foi do camisa 11 a assistência para Jean Pyerre abrir o placar. Antes, ele deu dois cortes no mesmo marcador e só parou na grande defesa de Ledesma.

Quem decidiu: Jean Pyerre

O camisa 21, que já havia ido bem contra o São Luiz-RS na semifinal do Gauchão, fez outra boa partida. Decidiu ao aparecer dentro da área e concluir com inteligência para desviar do goleiro. No segundo tempo, Jean Pyerre desequilibrou ao cobrar escanteio, buscar o rebote e dar assistência a Leonardo.

Grêmio muda escalação para fazer diferente

As presenças de Matheus Henrique e Jean Pyerre deram mais dinâmica ao meio-campo. Os jovens agregaram intensidade a um setor que ainda teve Diego Tardelli aberto pela direita e viu André fazer outra boa jornada. O centroavante repetiu atuações recentes com pivôs e tabelas.

Susto e alívio com notícias de jogo no Chile

Com seis minutos de jogo, a torcida do Grêmio foi abalada pela notícia de que a Universidad Católica havia marcado 1 a 0 no Libertad. Naquele momento, com o empate em Porto Alegre e o resultado em Santiago, o time gremista estava eliminado. A maré começou a mudar depois do gol de Jean Pyerre. Doze minutos depois do desvio do meia-atacante do Grêmio, o Libertad empatou no Chile. E pouco antes do intervalo, os paraguaios conseguiram a virada. Ou seja, de eliminado o Grêmio passou a disputante e depois encontrou o cenário que tanto queria na rodada.

Leonardo transforma domínio em tranquilidade

No segundo tempo, a atuação do Grêmio foi traduzida em vantagem no placar. Leonardo surgiu como elemento surpresa após escanteio e ampliou. Na reta final do duelo, mesmo com ritmo mais lento, o camisa 6 acertou chute de fora da área para fechar o marcador.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 3 X 1 ROSARIO CENTRAL

Data e hora: 10/04/2019 (quarta-feira), às 21h30 (Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Público: 30.251 pessoas (27.732 pagantes)
Renda: R$ 921.410,00
Árbitro: Andres Rojas (COL)
Auxiliares: Wilmar Navarro (COL) e John Alexander Leon (COL)
Cartões amarelos: André, Matheus Henrique, Kannemann (GRE); Barbieri, Molina, Ojeda (CEN)
Gols: Jean Pyerre, aos 31 minutos do primeiro tempo (GRE); Leonardo, aos 9 minutos do segundo tempo e aos 36 minutos do segundo tempo (GRE); Jonas Aguirre, aos 43 minutos do segundo tempo (CEN)

GRÊMIO: Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Matheus Henrique, Maicon (Thaciano), Diego Tardelli (Alisson), Jean Pyerre (Rômulo) e Everton; André
Técnico: Renato Gaúcho

ROSARIO CENTRAL: Ledesma; Molina, Barbieri, Recalde e Parot (Rizzi); Ojeda, Villagra, Pereyra (Vergara), J. Aguirre e Barrera (Riaño); Herrera
Técnico: Diego Cocca

Mais Futebol