Topo

Futebol


Léo e M. Gabriel marcam para o Cruzeiro, mas citam final aberta no Mineiro

Siga o UOL Esporte no

Enrico Bruno e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

14/04/2019 18h30

O primeiro jogo da final mineira terminou com a vitória do Cruzeiro em cima do rival Atlético-MG pelo placar de 2 a 1. Apesar de ter invertido a vantagem e ter largado na frente da decisão, os jogadores da Raposa reforçaram que a final do estadual ainda está aberta. Autores dos gols celestes, Marquinhos Gabriel e Léo falaram sobre o equilíbrio no clássico e a importância de manter a concentração para garantir o título no sábado que vem.

"Jogo bem difícil, truncado, mas conseguimos fazer o placar. Poderíamos ter saído com o 3 a 1. Mas esse é o espírito do clássico. Agora é concentrar e ajustar algumas coisas para conquistar o título. Eles tinham uma vantagem, mas conseguimos inverter isso. Agora ela está do nosso lado. Temos que usar a cabeça e usar isso ao nosso favor", falou Marquinhos Gabriel.

O meia foi o responsável por abrir o placar no Mineirão em um momento importante da partida. Depois de tanto martelar, o Cruzeiro caminhava para encerrar a primeira etapa sem conseguir balançar as redes. Porém, aos 45 minutos, Marquinhos Gabriel recebeu o passe de Fred e ainda contou com o desvio de Leonardo Silva para matar o goleiro Victor e fazer 1 a 0 para a Raposa. Na etapa final, pouco depois do rival igualar o placar, Léo aproveitou a sobra dentro da área e teve liberdade para recolocar o Cruzeiro na frente.

"A gente sabe que tem muita coisa ainda. Temos o segundo jogo, clássico tem esse equilíbrio, agora vamos em busca do nosso objetivo. Foi um jogo grande, difícil. Conseguimos pegar a vantagem, fico feliz em ajudar meus companheiros, mas sabemos que ainda terá o segundo jogo, está tudo em aberto. Temos que aproveitar essa vitória para concretizar o nosso objetivo no segundo jogo, que é ser campeão", disse o zagueiro.

Mais Futebol