Topo

Esporte


PSG perde 3ª chance de título e pode ser campeão com Neymar em campo

Buffon lamenta: PSG foi dominado durante boa parte da partida e perdeu a chance de comemorar o título - Loic Venance/AFP
Buffon lamenta: PSG foi dominado durante boa parte da partida e perdeu a chance de comemorar o título Imagem: Loic Venance/AFP

Do UOL, em São Paulo (SP)

17/04/2019 15h51

O Paris Saint-Germain, pela terceira rodada consecutiva, perdeu a chance de se sagrar campeão francês de forma antecipada. Hoje (17), a equipe sofreu com os desfalques, perdeu por 3 a 2 para o Nantes, no Stade de la Beaujoire, e novamente viu adiada a confirmação da conquista nacional. A única boa notícia para os parisienses veio com o golaço anotado por Daniel Alves.

A segunda derrota seguida pelo Campeonato Francês abre a possibilidade de o PSG ser campeão com Neymar em campo. Dependendo apenas de uma vitória para confirmar o troféu, o técnico Thomas Tuchel já anunciou que deve relacionar o atacante brasileiro para o jogo de domingo, às 16h (de Brasília), contra o Monaco, no estádio Parque dos Príncipes.

O revés deste meio de semana deixa o PSG com 81 pontos, 17 a mais do que o vice-líder Lille, que ainda pode alcançar os 82. O Nantes, com o triunfo diante do virtual campeão da temporada 2019, chegou aos 37 e praticamente se livrou das possibilidades de rebaixamento na Ligue 1.

Quem foi bem: Diego Carlos

Dois gols e um desempenho seguro na defesa tornaram Diego Carlos o grande destaque da vitória do Nantes sobre o PSG. O zagueiro brasileiro anulou o sistema ofensivo adversário, desfalcado de Neymar, Mbappé, Cavani e Di María. O defensor ainda mostrou excelente aproveitamento nas jogadas pelo alto, dos dois lados do campo.

Quem foi mal: Choupo-Moting

Marcado por perder um gol bizarro no empate contra o Strasbourg, quando o PSG perdeu a primeira chance de assegurar matematicamente o título, Choupo-Moting acabou anulado pela defesa do Nantes. Principal referência no ataque, o camaronês pouco colaborou em uma atuação apática dos parisienses.

Dani Alves faz golaço

Loic Venance/AFP
Imagem: Loic Venance/AFP

Desfalcado, o PSG sofreu com o ritmo intenso do Nantes desde os primeiros minutos de partida. No entanto, a qualidade técnica do virtual campeão francês fez a diferença na primeira grande oportunidade. Aos 19min, Daniel Alves recebeu na intermediária e acertou um lindo chute de longe para abrir o marcador. Golaço que serviu para a torcida, naquele momento, ensaiar a comemoração do título nacional.

Brasileiro frustra o PSG

Stephane Mahe/Reuters
Imagem: Stephane Mahe/Reuters

O grande culpado pelo adiamento do título do PSG é brasileiro. Grande destaque da partida, Diego Carlos derrubou qualquer possibilidade de festa do clube parisiense com menos de cinco minutos. Se Dani Alves abriu o placar aos 19min, o defensor empatou o marcador aos 22min ao acertar uma finalização de cabeça. O ex-jogador de Desportivo Brasil e São Paulo ainda balançou as redes novamente aos 7min da segunda etapa, marcando o terceiro do Nantes.

Elenco curto pesa de novo

O PSG sequer ocupou todas as vagas no banco de reservas na tarde desta quarta-feira. Sem Neymar há meses, a equipe também não contou hoje com Di María, Mbappé, Cavani, Verratti, Thiago Silva e Marquinhos, alguns dos principais nomes do elenco. Das estrelas, apenas Dani Alves, Draxler e Buffon estavam em campo. As ausências custaram mais um resultado. Foram dez desfalques contra o Nantes.

Notre-Dame "presente"

Sebastien Salom-Gomis/AFP
Imagem: Sebastien Salom-Gomis/AFP

A torcida do PSG levou uma faixa alusiva à catedral de Notre-Dame, dias depois do incêndio no histórico prédio parisiense. Os visitantes ergueram uma mensagem que pode ser traduzida livremente como "PSG é nosso clube. Paris é nossa dama (Notre-Dame)."

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que foi publicado, a tradução da faixa exibida pela torcida do Paris Saint-Germain dizia "PSG é nosso clube; Paris é nossa dama". A informação foi corrigida.
ESPN, Ei PLus e Fox Sports

Assista aos jogos e programas de ESPN, EI Plus e Fox Sports sem TV a cabo.

Mais Esporte