Topo

Atlético-MG

Atlético-MG perde mais uma no Mineirão e está fora da Libertadores

Marcelo Alvarenga/AGIF
Luan lamenta durante partida entre Atlético-MG e Nacional Imagem: Marcelo Alvarenga/AGIF

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

2019-04-23T23:23:43

23/04/2019 23h23

O Atlético-MG está eliminado da Copa Libertadores da América. A equipe perdeu por 1 a 0 para o Nacional, do Uruguai, na noite de hoje, no Mineirão, pela quinta rodada do Grupo E, e está fora da competição. É a primeira vez que o Galo sai do torneio na fase de grupos no atual formato.

O Atlético ainda enfrentará o Zamora, da Venezuela, na sexta rodada da chave. No entanto, não conseguirá nem sequer a segunda posição, já que fez apenas três pontos em cinco rodadas. O Cerro Porteño é o líder, com 12, mesmo número do Nacional. As equipes se enfrentam na sexta rodada da chave.

O melhor: Felipe Carballo faz e garante vitória do Nacional

Escolhido para entrar na vaga de Bergessio no segundo tempo do confronto disputado no Mineirão, Felipe Carballo fez um golaço sobre o Victor. Ele recebeu na grande área e tocou por cobertura para estufar a rede.

O pior: Bolt produz pouco e deixa o campo no início do 2º tempo

Maicon Bolt foi o escolhido de Rodrigo Santana para a vaga de Geuvânio, que ainda não foi inscrito na Libertadores. O camisa 11, no entanto, não produziu o que era esperado jogando pelo lado direito do ataque. Ele cometeu erros de passes e pouco acrescentou ao setor ofensivo em termos de criação. Não à toa deixou o campo substituído no segundo tempo por Vinicius. O atleta ainda foi vaiado por parte da torcida que compareceu ao Mineirão.

Galo tem sua pior colocação na história da Libertadores

Esta é a pior colocação da história do Atlético-MG na Copa Libertadores da América. O time não ficará nem entre os 16 melhores da América do Sul, o que nunca havia acontecido anteriormente. Antes disso, as piores colocações eram um 15º lugar, em 2015, e o 14º lugar, em 1972.

Atlético-MG sofre para criar e peca nas finalizações

O Atlético-MG teve dificuldade em criar chances para balançar a rede do Nacional. Nem mesmo as ousadas substituições de Rodrigo Santana fizeram o time levar perigo demais à meta de Luis Mejía. As duas melhores oportunidades foram de Adilson e Ricardo Oliveira. Na primeira, o volante recebeu cruzamento e cabeceou firme para ótima defesa do goleiro adversário. A segunda ocorreu em contra-ataque. Livre de marcação, o centroavante recebeu de Elias, mas finalizou em cima do arqueiro.

Presidente e Cazares são xingados por tocida no Mineirão

Sérgio Sette Câmara voltou a ser alvo de protesto da torcida do Atlético-MG na eliminação do time na fase de grupos da Copa Libertadores da América. A principal organizada fez duras críticas ao presidente enquanto a bola ainda rolava no Mineirão. Outro jogador que sofreu com a perseguição foi Juan Cazares. O equatoriano, que acumula atrasos e deslizes fora de campo, foi bastante questionado por parte dos apaixonados que foram ao Gigante da Pampulha.

Polícia e torcida partem para o combate no Mineirão

Polícia Militar e torcedores do Atlético-MG partiram para o confronto ao fim da partida disputada no Mineirão. O UOL Esporte presenciou a cena, que contou tiros de borracha e spray de pimenta. Outra parte da torcida fez crítica a ação dos agentes da Polícia Militar.

Atlético-MG perde a segunda no Mineirão

Esta foi a segunda derrota do Atlético-MG como mandante nesta fase de grupos da Copa Libertadores da América. Antes disso, a equipe havia perdido para o Cerro Porteño em casa. A única vitória na chave foi diante do Zamora, da Venezuela.

Ficha técnica
Atlético-MG x Nacional (URU)

Motivo: 5ª rodada do Grupo E da Copa Libertadores
Local: Mineirão, em Belo Horizonte
Data: 23 de abril de 2019 (terça-feira)
Horário: às 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Fernando Rapallini (ARG)
Assistentes: Diego Bonfa (ARG) e Gabriel Chade (ARG)

Cartão amarelo: Victor, Leonardo Silva, Elias (Atlético-MG); Matías Zunino, Mathías Cardacio, Rivero (Nacional)

Gol: Felipe Carballo - 41'/2ºT (0-1)

Atlético-MG
Victor; Guga, Leonardo Silva, Iago Maidana e Fábio Santos; Adilson (David Terans), Elias e Luan; Yimmi Chará, Maicon Bolt (Vinicius) e Ricardo Oliveira (Alerrandro).
Técnico: Rodrigo Santana (interino).

Nacional
Luis Mejía; Zunino, Corujo, Felipe Carvalho e Matías Viña; Rafael García (Mathias Cardacío), Gabriel Neves e Gustavo Lorenzetti; Santiago Rodríguez, Sebastián Fernández e Bergessio (Felipe Carballo).
Técnico: Álvaro Gutiérrez.

Errata: o texto foi atualizado
Diferente do informado anteriormente nesta nota, Atlético-MG e Zamora se enfrentam pela sexta rodada, e não quinta rodada. O erro foi corrigido.
ESPN e Ei PLus

Assista a todos os jogos e programas de ESPN e El Plus sem TV a cabo.