Topo

Seleção Brasileira


Gabriel Jesus concorda com Tite e aceita ser reserva de Firmino na seleção

Gabriel Jesus bate para o gol no amistoso Brasil x Honduras no Beira-Rio - Pedro H. Tesch/AGIF
Gabriel Jesus bate para o gol no amistoso Brasil x Honduras no Beira-Rio Imagem: Pedro H. Tesch/AGIF

Danilo Lavieri, Marcel Rizzo, Marinho Saldanha e Pedro Lopes

Do UOL, em Porto Alegre

09/06/2019 20h17

Gabriel Jesus aceitou bem a notícia de que seguirá na reserva da seleção brasileira mesmo após a sua evolução com a camisa verde e amarela. Em entrevista após a vitória por 7 a 0 contra Honduras hoje, o atacante afirmou que concorda com a decisão de Tite.

A revelação palmeirense melhorou nos últimos meses no Manchester City e acumulou cinco gols em três jogos representando o país.

"O Firmino bem de uma bela temporada, terminou campeão da Champions, o que é muito difícil. Eu torço para ele e aceito que ele vem ganhando o espaço. Com ele ou comigo, a gente vai dar o máximo para responder à altura", afirmou Gabriel Jesus.

"Eu fico feliz nessa disputa e aceito que o Firmino tenha conquistado o espaço. Quem for escolhido vai corresponder à altura e isso é muito bom para a seleção", completou.

Gabriel perdeu espaço na seleção após não ter feito uma Copa do Mundo tão boa e admitiu que a queda de rendimento afetou até o seu desempenho no Manchester City, onde ficou na reserva do argentino Sergio Aguero.

Durante toda a Copa do Mundo, Tite ouviu questionamentos sobre quem merecia estar no comando do ataque e terminou bastante questionado por ter dado pouco espaço para Roberto Firmino.

"São momentos diferentes. Antes da Copa, eu tive uma lesão. Essa temporada, eu terminei jogando, mas não joguei tanto durante o ano. Estou mais preparado agora. Depois da Copa, eu me preparei mais e hoje estou mais maduro, até entendendo melhor meu estilo de jogo", finalizou.

Mais Seleção Brasileira