Topo

Futebol


"We are Carnaval": turismo anima única capital do Nordeste na Copa América

JC Pereira/ AgNews
Copa América em Salvador ocorre simultaneamente à festa de São João, que também recebe muitos turistas Imagem: JC Pereira/ AgNews

Gabriel Carneiro

Do UOL, em Salvador

2019-06-15T04:00:00

15/06/2019 04h00

A Copa América-2019 começou ontem com a partida entre Brasil e Bolívia, no Morumbi, e segue sua primeira rodada hoje, com os confrontos entre Venezuela e Peru, na Arena do Grêmio, às 16h, e Argentina e Colômbia, três horas mais tarde, na Arena Fonte Nova. O estádio em que o Bahia manda suas partidas é a única sede nordestina da competição e a preparação de Salvador para receber o torneio integrou uma série de ações que se assemelham às que são feitas no tradicional Carnaval da cidade.

VEJA TAMBÉM

A Secretaria de Turismo da Bahia (Setur) chama de "receptivo especial", mas o incentivo ao turismo esportivo no Estado é uma realidade nos últimos anos, com recepção da Copa das Confederações (2013), Copa do Mundo (2014), Olimpíadas (2016) e agora a Copa América como uma espécie de fechamento deste ciclo de grandes eventos.

Gabriel Carneiro/UOL
Estádio já está envelopado para abertura da Copa América Imagem: Gabriel Carneiro/UOL

Há ações no aeroporto e na rodoviária de Salvador, com baianas tipicamente vestidas recepcionando turistas e seleções nos cinco jogos que rolarão na cidade. Em alguns horários também há grupos de forró, distribuição de fitinhas do Senhor do Bonfim e postos de informações turísticas.

Este trabalho começou no último domingo, na chegada da delegação da Argentina à capital baiana e será mantido até o dia 29, data do jogo das quartas de final entre times ainda indefinidos. O efetivo também tem relação com a quantidade de turistas esperados para as festas de São João, que acontecem durante o mês de junho.

Assim como acontece no Carnaval de Salvador, há profissionais treinados para informar os turistas sobre roteiros na cidade. A filial baiana da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes prevê, durante o periodo até o fim de junho, 15% de aumento nas vendas. O setor hoteleiro também está empolgado. O hotel que recebe a seleção da Colômbia nesta primeira rodada, por exemplo, informa que 90% do local está ocupado até o fim da primeira fase da Copa América e já há 70% de ocupação até as quartas de final.

Estes 90% representam a ocupação média dos hotéis na época do Carnaval, o que evidencia também a grandiosidade da Copa América para a única capital nordestina a recebê-la. Aproximadamente 40 mil leitos compõem a rede hoteleira de Salvador, mas no caso da competição esportiva a concentração é maior no centro da cidade.

Mais Futebol