Topo

Brasileirão - 2019


Wellington Paulista faz dois e Fortaleza bate o Avaí na estreia de Valentim

Do UOL, em São Paulo

13/07/2019 18h56

O Fortaleza reestreou com vitória no Campeonato Brasileiro. Em sua primeira partida após a pausa para a Copa América, o time de Rogério Ceni bateu o lanterna Avaí por 2 a 0. Os dois gols foram marcados pelo veterano Wellington Paulista.

O Avaí contava hoje com a estreia de Alberto Valentim no banco de reservas. O novo treinador conseguiu dar um novo ritmo ao time, que marcou bem e impôs pressão no Castelão, porém faltou precisão e o Fortaleza levou a melhor nos contra-ataques. Foram em dois lançamentos para a área que o Wellington Paulista conseguiu marcar seus gols, primeiro no rebote e depois de cabeça.

Com o resultado, o Fortaleza sobe quatro posições e assume momentaneamente a 11ª colocação, com 13 pontos. O Avaí, que ainda não venceu neste Brasileirão, permanece na lanterna com quatro pontos. No próximo domingo (21), Rogério Ceni e seus comandados viajam para Belo Horizonte, onde enfrentarão o Atlético-MG. Já o Avaí recebe o Goiás.

Melhor em campo: Wellington Paulista

Toda a precisão que faltou ao Avaí na partida estava com o centroavante do Fortaleza. Seus dois gols foram parecidos, nascidos de cruzamentos pela lateral. Vale o registro do bom posicionamento do 9 nos dois lances. No primeiro conseguiu marcar no rebote e no segundo subiu sozinho, nas costas do marcador.

Pior em campo: Luanderson

Improvisado na zaga, o volante Luanderson sofreu nas mãos de Wellington Paulista. No primeiro gol, o centroavante passou pelas suas costas para cabecear, enquanto no segundo ele não conseguiu subir mais alto que Wellington.

Estreia de Valentim

Após passagem pelo Vasco, Alberto Valentim assumiu o comando do Avaí com o desafio de tentar livrar os catarinenses do rebaixamento. Apesar de dar um novo ritmo ao time, valorizando a posse de bola e com marcação pesada sobre o adversário, o treinador não conseguiu estrear com vitória, que também seria a primeira da equipe no campeonato.

Fortaleza: sobrou precisão ao centroavante

O Fortaleza passou boa parte do primeiro tempo pressionado pelo Avaí. O time de Rogério Ceni tinha dificuldade para conseguir construir as jogadas, via os catarinenses chegar ao ataque com mais tranquilidade e ainda perdeu Osvaldo por lesão aos 36 minutos. Assim, passou a investir mais no contra-ataque, estratégia que foi recompensada com os gosl de Wellington Paulista aos 45 minutos do primeiro tempo e aos 22 da etapa complementar.


Avaí: faltou precisão coletivamente

O Avaí dominou o Fortaleza no primeiro tempo, criando mais chances e chegando mais vezes à área. Com 30 minutos de jogo, os catarinenses já somavam oito escanteios na partida. Porém, a falta de precisão na finalização acabou permitindo que o Fortaleza crescesse e saísse na frente no placar. Mesmo com mais um atacante desde o intervalo, o time de Valentim não conseguiu ter forças para reagir e ainda viu o Tricolor marcar mais uma vez.

Cronologia do Jogo

O Avaí pressionou o Fortaleza desde o começo do jogo. Com apenas quatro minutos, o time agora comandado por Alberto Valentim obrigou Felipe Alves a fazer boa defesa. Pedro Castro chutou com força e o goleiro tricolor conseguiu espalmar para fora no reflexo. Apesar do domínio, esta foi a única grande oportunidade dos catarinenses na primeira etapa.

Aos 45 minutos, o Fortaleza, que oferecia perigo em alguns contra-ataques, chegou ao gol com Wellington Paulista. O veterano atacante cabeceou o cruzamento feiro por Juninho, Vladimir chegou a espalmar, mas a bola voltou para os pés do camisa 9, que empurrou para as redes.

O centroavante foi novamente preciso aos 22 da segunda etapa. Em um novo cruzamento, desta vez de Romarinho, ele subiu mais alto que Luanderson e, quase sem ângulo, conseguiu cabecear. A bola ainda passou entre as pernas do goleiro Vladimir antes de morrer no gol. O Avaí chegou a balançar as redes no fim da partida, mas a arbitragem registrou impedimento.

Fortaleza 2 x 0 Avaí
Data: 13/07/2019
Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Hora: 17h (de Brasília)

Gols: Wellington Paulista, aos 45 minutos do primeiro tempo e aos 22 do segundo tempo.

Fortaleza: Felipe Alves, Gabriel Dias, Quintero, Roger Carvalho e Carlinhos; Felipe, Juninho, Romarinho e Osvaldo (Kieza); André Luís (Paulo Roberto) e Wellington Paulista (Marlon). Técnico: Rogério Ceni.

Avaí: Vladimir, Léo (Caio Batista), Betão, Luanderson e Igor Fernandes; Pedro Castro, Julinho (Luan Pereira), Lourenço, Douglas e Gustavo Ferrareis (João Paulo); Brenner. Técnico: Alberto Valentim.