Topo

Esporte


Cavani torce pela recuperação rápida de Neymar: 'Uma baixa importante'

Neymar e Cavani comemoram gol do PSG sobre o Montpellier em 2018 - AP Photo/Christophe Ena
Neymar e Cavani comemoram gol do PSG sobre o Montpellier em 2018 Imagem: AP Photo/Christophe Ena

Do UOL, em São Paulo

31/01/2019 16h21

O atacante Edinson Cavani lamentou a lesão no pé de Neymar, que ficará afastado por cerca de dez semanas - o jogador brasileiro, que passará por tratamento para solucionar o problema, não participará dos duelos contra o Manchester United, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões.

Em entrevista à agência "EFE", o uruguaio destacou o confronto contra os Red Devils e afirmou que é importante ter todo o elenco disponível para enfrentar adversários qualificados.

''Para vencer qualquer competição, e ainda mais a Liga dos Campeões, temos que estar todos disponíveis. É um grande jogador e, portanto, uma baixa importante. Temos um grupo bem formado, e quem o substituir estará à altura das circunstâncias, mas todas as equipes querem ter um jogador como Neymar. Espero que se recupere o mais rapidamente possível'', afirmou o camisa 9, que soma 20 gols em 23 partidas da atual temporada.

Cavani está no Paris Saint-Germain desde 2013, atuando ao lado de grandes jogadores, como Zlatan Ibrahimovic. Agora, divide os holofotes com Neymar e Kylian Mbappé, dois dos maiores astros da atualidade no futebol.

''Em outros anos, estive sozinho no ataque, e era mais difícil. Com Neymar e com Kylian Mbappé, a atenção dos defensores fica dividida. Além disso, eles têm a velocidade que é importante para nós. Eu faço mais parte da finalização da jogada. É o que mais gosto de fazer'', declarou.

Apesar de não ter a companhia de Neymar nas oitavas de final da Liga dos Campeões, Cavani acredita que o PSG tem chances de ir longe na competição, principal objetivo do clube na temporada.

''O time está bem, tem experiência nesta competição. Temos uma grande vantagem no Campeonato Francês, o que nos permite trabalhar com confiança. Nos dois últimos jogos da fase de grupos da Liga dos Campeões, o time foi bem, demonstrou mentalidade forte e união, necessárias nestas competições'', destacou.

O PSG lidera com folga o Campeonato Francês. A equipe tem 13 pontos de vantagem para o Lille, segundo colocado, e dois jogos a menos.

Mais Esporte