Topo

Esporte

Streams de Justin Timberlake crescem 153% no Spotify após Super Bowl

Kevin C. Cox/Getty Images/AFP
Cantor foi a atração do show do intervalo na final entre Eagles e Patriots Imagem: Kevin C. Cox/Getty Images/AFP

Do UOL, em São Paulo

05/02/2018 14h49

O show no intervalo do Super Bowl 52 ajudou Justin Timberlake a ‘bombar’ ainda mais no Spotify, um dos principais serviços de música digital via streaming. De acordo com a plataforma, o número de streams do cantor após a apresentação no intervalo da final da NFL cresceu 153%.

O cálculo foi feito comparando a primeira hora após o jogo e o mesmo período da semana anterior. Com a apresentação deste domingo no US Bank Stadim, em Minneapolis, a faixa Until the end of time foi a que teve o maior crescimento, com 512% mais ouvintes que registrado na semana anterior.

Entre as outras canções da noite, a audiência de Suit & Tie cresceu 408% no serviço, enquanto Mirrors cresceu 267%. A faixa Rock your body cresceu 203%, à frente de SexyBack (198%), Cry me a river (192%), Señorita (189%), My love (155%) e Filthy (154%). Um dos carros-chefe do ex-vocalista do Nsync na plataforma, Can’t stop the feeling! fechou o show e cresceu 72%.

A faixa de maior crescimento, porém, foi a principal atração da noite: I would die 4 u, lançada pelo cantor Prince no álbum Purple rain, de 1984. No show do Super Bowl, Justin Timberlake fez uma versão para a música, apresentando-se ao acompanhado de um holograma do próprio Prince, morto em 2016.

No Spotify, a procura pela música cresceu nada menos que 807%. Já a busca por músicas de Prince também aumentou globalmente, mas em índice mais modesto – o registro foi 135% maior que o da semana anterior.

Em campo, quem se deu bem foi o Philadelphia Eagles, que fez 41 a 33 no New England Patriots e venceu o primeiro Super Bowl de sua história. O time não conquistava um título de NFL desde 1960.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte