Topo

Fórmula 1

Alonso diz que Schumacher foi o adversário mais difícil na Fórmula 1

Dan Istitene/Getty Images
Fernando Alonso, da McLaren, se despedirá da Fórmula 1 no próximo GP Imagem: Dan Istitene/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

22/11/2018 11h39

Perto de se despedir da Fórmula 1, Fernando Alonso declarou que Michael Schumacher foi o adversário mais difícil que encontrou durante sua jornada. Segundo o espanhol, o alemão tinha o controle do esporte e propunha duelos emocionais sem tantos recursos como existem hoje.

Leia também:

“É complicado escolher um (adversário mais difícil). Mas, se tivesse que eleger um, seria Michael Schumacher. Porque quando eu cheguei, ele dominava o esporte, eu via ele sempre ganhando e, de repente, comecei a batalhar roda com roda com ele. Foi muito emocionante. Agora estamos mais preparados, com programas, simuladores e somos uma geração mais talentosa. Mas eu escolheria ele por razões mais emocionais do que técnicas”, contou Alonso.

Fernando Alonso dirá adeus à Fórmula 1 no próximo dia 25 de novembro, no Grande Prêmio de Abu Dhabi, no circuito de Yas Marina. Agora, o espanhol pretende deixar seus conhecimentos para uma nova geração.

“É difícil falar sobre o próprio legado. Eu tentei dar o melhor de mim sempre, a cada corrida lutei contra todas as circunstâncias. Agora, trabalhando com crianças, karting, com a geração mais jovem... Procurarei ajudá-los no que eu puder. Mostrar o conhecimento que eu tive nesses anos, dar dicas que eu não tive”, falou Alonso, que não descartou um retorno à Fórmula 1.

“A porta não está fechada. Mas eu não sei como será o próximo ano. Apenas em abril ou maio estarei desesperado no sofá. Embora seja difícil a ideia da volta. Vai depender de como eu me sentir no ano que vem”, disse.