Indefinição de Palmeiras, Atlético-PR e Bahia com Globo ameaça Cartola

Leandro Carneiro

Do UOL, em São Paulo*

  • Miguel Schincariol/Getty Images

    Palmeiras ainda negocia com a Globo

    Palmeiras ainda negocia com a Globo

Febre entre os brasileiros, o fantasy game Cartola pode estar com seus dias contados no formato atual. O problema é a falta de acordo da Globo com alguns clubes que disputarão o próximo Campeonato Brasileiro. Palmeiras, Atlético-PR e Bahia travam a situação.

Para contar com os times para o fantasy, a Globo depende de um contrato que envolve direito de exploração das imagens dos clubes em mídias digitais. Geralmente, esse acordo compunha a negociação de direitos de TV aberta, mas os três clubes ainda não assinaram com a emissora.

Do trio, o único que mantém conversas ativas com a Globo é o Palmeiras, mas as negociações não têm avançado.

Leia também:

Em contrapartida, a negociação mais travada é a do Atlético-PR. O time não aceita uma questão que envolve o pay per view, que também compõe a negociação. Sem acordo, a equipe não aceita participar do game. Situação semelhante a vivida pelo Bahia que está com as conversas "congeladas" com a emissora.

O jogo é considerado um sucesso na Globo. Para se ter noção, com assinaturas em 2018, no valor mínimo de R$ 39, a emissora teve uma renda de mais de R$ 16 milhões. O pagamento não era obrigatório, mas dava alguns benefícios aos usuários.

Procurada para comentar o que faria com o game caso não assine com os clubes, a Globo não se posicionou até a publicação do texto.

Colaboração Danilo Lavieri e Marcello de Vico, do UOL, em São Paulo

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos