Brasil

Neymar sente dores, vacila no mano a mano e bate recorde de faltas sofridas

AFP PHOTO / JOE KLAMAR
Neymar cai no chão após sofrer falta contra a Suíça; jogador foi caçado pelos europeus Imagem: AFP PHOTO / JOE KLAMAR

Dassler Marques e Pedro Lopes

Do UOL, em Sochi (Rússia) e São Paulo

18/06/2018 04h00

O maior número de faltas em uma Copa do Mundo, desde 1998, simbolizou a estratégia da Suíça em caça ao principal jogador brasileiro no empate por 1 a 1, em Rostov-on-Don, no último domingo (17). Neymar sofreu com dores, chegou a mancar e teve um aproveitamento abaixo do normal em lances mano a mano.    

- De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual
- O hexa vem dessa vez? O que os videntes preveem para o Brasil no Mundial?
- Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil

Segundo levantamento feito pela Opta Sports, com 10 infrações recebidas, Neymar se tornou o mais caçado desde Alan Shearer em Inglaterra x Tunísia. Em uma jornada em que as coisas não funcionaram bem, o brasileiro perdeu 14 de 28 disputas um contra um diante dos suíços, de acordo com dados do Instat.

De tão caçado, o brasileiro só conseguiu ser realmente perigoso em uma conclusão, de cabeça, nos minutos finais. Ele ainda deu boas assistências para Paulinho e Coutinho, que desperdiçaram, mas concluiu uma atuação, resumidamente, decepcionante. 

Além de frustrar, Neymar, que teve o meião rasgado, preocupou em três situações. Aos 13min, Behrami pisou sobre ele, que levou a mão ao pé direito, operado. Já no segundo tempo, aos 12min, travou bola com Lichtsteiner e saiu mancando no mesmo pé. Por fim, ele que chegou até a tirar a chuteira em sinal de incômodo, caiu após nova pancada de Behrami, e acusou dores no pé esquerdo. 

A estratégia suíça: rodízio e Behrami como principal marcador

Felipe Dana/AP Photo
Behrami chega em Neymar: marcação implacável Imagem: Felipe Dana/AP Photo

Behrami, o volante pela direita na Suíça, foi responsável pela maioria dos duelos com Neymar. Em dez disputas entre eles, o suíço de 33 anos levou a melhor em sete. Quando perdeu, fez falta, recebeu o amarelo e foi substituído dois minutos depois, quando entrou Zakaria - mais um a contribuir para a marca de dez infrações.  

Behrami, porém, não foi o único 'amarelado' por Neymar, que também fez com que o zagueiro Schär e o lateral Lichsteiner acabassem advertidos - este, aliás, também foi substituído para 'renovar' a marcação sobre o camisa 10 brasileiro. Lang, que entrou para os 15 minutos finais, ainda conseguiu duas faltas sobre o camisa 10 brasileiro. 

O treinador da Suíça, Vladimir Petkovic, considerou o confronto leal e se defendeu dizendo que o número de faltas não foi planejado. “Não (não planejou fazer faltas em Neymar). A maioria dos duelos foram cravados de forma limpa e bastante correta. Tinha homem a homem com o Neymar, mas eu acho que foi um ingrediente chave para neutralizá-lo. A seleção brasileira tem outros jogadores com qualidade também”, disse, em entrevista coletiva.

Neymar sofre mais faltas que Cristiano Ronaldo e Messi juntos

A mesma quantidade de faltas que atingiu Neymar foi a sofrida pelas seleções inteiras de Rússia, Portugal, Islândia, Dinamarca e México em suas estreias no Mundial. Em cada um dos confrontos, foram dez faltas distribuídas entre todos os jogadores dessas equipes. No confronto com o Uruguai, o time inteiro do Egito sofreu menos faltas do que Neymar, sozinho, neste domingo: apenas seis infrações.

Neymar também foi bem mais caçado que Messi e Cristiano Ronaldo. Juntos, os astros de Argentina e Portugal sofreram sete faltas (4 de CR7 e 3 de Messi) nos confrontos diante de Islândia e Espanha, respectivamente.

"Olha, muito difícil falar se foram desleais ou não, mas acho que o número excessivo de faltas pode passar essa imagem. Quem somos nós para falar da arbitragem, mas acho que tem que observar um pouco o número excessivo de faltas que o Ney está recebendo", disse Paulinho. "Os jogadores batem e os árbitros precisam ser mais atentos. Eles fazendo o trabalho deles e eu o meu", acrescentou o atacante, alvo das dez faltas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Brasil

Topo