Gabigol se desculpa por deixar partida da Inter antes do final

Do UOL, em São Paulo

O atacante Gabigol se disse arrependido com a atitude tomada durante a partida entre Inter de Milão e Lazio, no último domingo (21). Ao perceber que não entraria no duelo, o brasileiro recolheu seus pertences e se dirigiu ao vestiário, com a partida ainda em andamento – a Inter de Milão venceu por 3 a 1.

Nesta segunda-feira (22), o brasileiro pediu desculpas pela atitude "impensada e inadequada", por meio de um post nas redes sociais.

Depois da partida, o técnico Stefano Vecchi se mostrou incomodado com a atitude de Gabigol, mas não atacou o jogador diretamente. "Todos que estão no banco esperam para entrar, talvez ele tivesse outras expectativas, e elas eram altas da parte dele e da equipe. Mas nem sempre a culpa é do treinador. Ele tem grandes qualidades, mas deve se colocar a serviço do grupo".

Um dia depois, no entanto, Vecchi disse esperar uma punição da diretoria ao brasileiro e afirmou que para a próxima temporada era necessário resolver as "pequenas coisas" primeiro.

Contratado no início da temporada, Gabigol tem tido poucas chances na Inter de Milão. Até o momento, o atacante participou apenas de 10 partidas oficiais, com um total de 184 minutos em campo e um gol marcado.

Confira a declaração de Gabigol:

Interistas e colegas de trabalho, ontem durante o jogo Lazio vs Inter, repentinamente tive uma atitude impensada e inadequada ao sair do campo antes de terminar o jogo. Depois de passar o calor do jogo, com calma e com o apoio da minha família vi que tal coisa contraria o espírito esportivo e os meus valores profissionais.

Reconheço meu erro e gostaria de registrar as minhas sinceras desculpas a todos os torcedores nerazzurri que sempre me apoiaram e aos colegas de trabalho!

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos