Santa Cruz confirma a contratação de Grafite, que se apresenta nesta sexta

Roberto Oliveira

Colaboração para o UOL, em Recife

  • Foto: Diego Nigro/JC Imagem

    Grafite optou por não ser o mais bem pago do Santa, que vive grave crise financeira

    Grafite optou por não ser o mais bem pago do Santa, que vive grave crise financeira

O Santa Cruz confirmou a contratação do atacante Grafite, ídolo coral que retorna para sua quarta passagem pelo Arruda. A informação foi confirmada à reportagem tanto pelo presidente do clube, Alírio Moraes, quanto pelo jogador em rápidos contatos por aplicativo de mensagens. O atacante já assinou contrato e se apresenta nesta sexta-feira (11).

Conforme adiantou o UOL Esporte na terça (8), o Santa acertou com Grafite após superar dois obstáculos - ambos financeiros. O primeiro foi o débito que o clube tinha em aberto com o jogador desde sua saída após o Brasileirão do ano passado.

O segundo diz respeito ao salário do jogador. Diante da crise de caixa no Santa, que tem convivido ao longo de 2017 com atraso no pagamento da folha salarial, Grafite optou por não ser o jogador mais bem pago do elenco, facilitando seu retorno.

Aos 38 anos, o atacante volta ao Santa naquele que deve ser o último capítulo de sua história como jogador profissional. Após passagem apagada e rescisão com o Atlético-PR, ele chegou a cogitar encerrar a carreira, mas tinha vontade de jogar futebol até o fim do ano.

Ídolo do Santa e com raízes fincadas no Recife, onde criou família, Grafite via o tricolor do Arruda como lugar ideal para se despedir do futebol. Após conversa inicial na semana passada com o vice-presidente Constantino Junior, a negociação avançou a passos largos e contou com a vontade do jogador de voltar ao clube com que mais se identificou ao longo da carreira.

Grafite chega ao Santa em momento complicado na Série B. Após boa parte do primeiro turno em torno do G-4, o time despencou. Na terça (8), o tricolor foi derrotado por 2 a 1 pelo Criciúma em casa e permaneceu com 23 pontos, mesma quantidade do Luverdense, primeiro time na zona de rebaixamento.

Curiosamente, quando retornou do exterior em 2015, Grafite encontrou situação semelhante da equipe na Série B, mas acabou liderando arrancada final que recolocou o Santa na primeira divisão em 2016. No ano passado, o atacante também foi um dos principais nomes do time na conquista inédita da Copa do Nordeste.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos