Corinthians encerra negociação de parceria com agência de Ronaldo

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • PHOTO / OLGA MALTSEVA

    Agência de Ronaldo queria exclusividade, cláusula rejeitada pelo Corinthians

    Agência de Ronaldo queria exclusividade, cláusula rejeitada pelo Corinthians

Não houve acordo entre o Corinthians e a Octagon Brasil, agência de marketing esportivo do ex-atacante Ronaldo, para um acordo de parceria. A informação foi publicada pelo Globoesporte.com e confirmada pelo UOL Esporte na tarde desta sexta-feira. A empresa do antigo centroavante, no entanto, segue com relação aberta com o clube para a captação de patrocínios e investidores.

Corinthians e Octagon não entraram em acordo em relação a algumas minutas do contrato, especialmente a cláusula que dava exclusividade à empresa de Ronaldo. O clube alvinegro preferiu manter a relação aberta e também negociar possíveis parceiros com outras agências.

"Não chegamos a um modelo. Não temos a necessidade de ter uma agência só, caso outras tenham negócio para trazer para a gente. Não rolou um acordo, é um mercado difícil", explicou à reportagem Vinicius Azevedo, gerente de marketing do Corinthians.

Corinthians e a Octagon negociavam uma parceria desde a reta final do Campeonato Paulista, como mostrou o UOL em maio, quando as duas partes tratavam a parceria como praticamente "fechada".

A aproximação de Ronaldo com o clube foi exposta no primeiro jogo da decisão do estadual – o ex-atacante corintiano esteve no camarote da diretoria ao lado do filho Ronald na vitória por 3 a 0 sobre os ponte-pretanos.

A confiança inicial do marketing corintiano em relação à parceria, entretanto, diminuiu no momento da discussão do contrato. A cláusula da exclusividade exigida pela Octagon não foi aceita pelo Corinthians, que desistiu de assinar o contrato de parceria concreta com a empresa de Ronaldo.

Conforme explicou Vinicius Azevedo, as "portas seguem abertas" para a Octagon negociar pontuais parceiros para o clube, que segue sem patrocínio máster desde o fim do contrato com a Caixa Econômica Federal, em abril. Atualmente, o clube alvinegro possui seis parceiros que estampam suas marcas no uniforme.

"Fechar com uma só perde a possibilidade de gerar renda com outras que possam apresentar potenciais parceiros para o Corinthians. Caso a Octagon entre com um parceiro, será remunerada da mesma forma que outras. A relação é igual com todo mundo, só não terá alguém privilegiado como representante oficial. Estamos abertos para eles [Octagon]", finalizou o gerente de marketing corintiano.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos