Cúpula do Sporting quer Figo presidente, diz jornal; ex-atleta nega convite

Do UOL, em São Paulo

  • Rafael Marchante/Reuters

    Segundo ex-jogador, informação divulgada tem 'segundas intenções' no momento

    Segundo ex-jogador, informação divulgada tem 'segundas intenções' no momento

O Sporting vive uma situação institucional de instabilidade. O ponto veio na última semana, quando o presidente Bruno de Carvalho decidiu suspender 19 jogadores após uma derrota para o Atlético de Madri pela Liga Europa. Diante do atrito público, o dirigente decidiu retirar a medida e reintegrou os atletas.

No entanto, o próprio Bruno de Carvalho corre riscos. Segundo o jornal O Jogo, a Holdimo – principal detentora das ações do clube, com 29,8% do capital da sociedade desde 2013 – convocou uma reunião nesta segunda-feira para analisar o atual momento do Sporting.

"O debate público sobre questões internas tem contribuído para uma exposição absolutamente dispensável e atentatória da melhor tradição da marca Sporting, com potencial prejuízo para os ativos da sociedade", justificou a empresa em nota.

Ainda de acordo com o jornal, Luis Figo – que atuou pelo clube entre 1989 e 1995 – é o nome desejado pela Holdimo para assumir o posto ocupado atualmente por Bruno de Carvalho. O ex-jogador já teria sido inclusive sondado pela empresa – que, também segundo a publicação, quer processar o atual presidente do clube.

Figo, porém, negou qualquer convite. Em comunicado enviado à agência de notícias Lusa, o melhor jogador do mundo em 2001 assegurou que a informação publicada pelo jornal não tem "qualquer fundamento".

"É triste que, na situação atual, lancem notícias possivelmente com terceiras intenções. A equipe do Sporting necessita, neste momento, de tranquilidade paz e confiança", declarou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos