Hyoran fala sobre excesso de pressão no Palmeiras: "É 8 ou 80"

Do UOL, em São Paulo

  • Martin Mejia/AP Photo

Após um ano de adaptação, Hyoran finalmente vem tendo mais chances de atuar com a camisa do Palmeiras em 2018. Sob o comando de Roger Machado, o meia já participou de 10 jogos e marcou dois gols com a camisa alviverde.

Em entrevista ao programa Bate-Bola, da ESPN Brasil, Hyoran reconheceu que é necessário lidar com pressão ao jogar com a camisa do Palmeiras.

"Aqui a gente vive num extremo, é 8 ou 80. Mas o importante é nossa convicção dentro do grupo. A gente sabe que não é farra. O importante é não perder o foco e não deixar essa pressão tirar nosso foco e desconcentrar. Acho que conseguimos lidar, claro que as vezes atrapalha um pouco, mas conseguimos superar", afirmou.

Reconhecido pela torcida alviverde como uma espécie de talismã nos últimos jogos, o meia exaltou sua fase atual. "Com certeza estou num momento muito bom. Estou feliz com nossa recuperação, essa excelente vitória que tivemos na última rodada. Isso é importante, dá um up, confiança para o elenco, para o Roger (Machado)."

Classificado para as oitavas de final da Libertadores com a melhor campanha, o Palmeiras enfrentará o Cerro Porteño, e poderá pegar o Corinthians nas quartas de final, caso vença os paraguaios e os alvinegros consigam bater o Colo-Colo.

Questionado sobre a pressão de encarar o arquirrival no mata-mata após a perda do título do Campeonato Paulista, o meia admitiu que há um nó na garganta dos palmeirenses. "Com certeza engasga um pouquinho [as derrotas para o Corinthians]. Mas temos que trabalhar para conseguir superar isso".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos