Topo

Futebol


Negociação por comissão técnica é o que ainda separa Abel do Flamengo

Nelson Peres/Fluminense
Abel Braga e o auxiliar Leomir em um treino do Fluminense, último clube da dupla Imagem: Nelson Peres/Fluminense

Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

2018-12-10T04:00:00

10/12/2018 04h00

O Flamengo está próximo de anunciar o técnico que terá a responsabilidade de conduzir o time na busca por títulos expressivos em 2019. Eleito no último sábado (8) para um mandato até 2021, Rodolfo Landim delegou a missão da escolha do comandante ao novo vice de futebol Marcos Braz. O experiente Abel Braga está próximo de assumir o cargo, mas detalhes ainda separam do anúncio por parte da diretoria.

Leia mais

A questão envolve a comissão técnica com a qual Abel costuma atuar. No cenário ideal dos dirigentes do Flamengo, o técnico deve vir apenas com o auxiliar, já que o restante do grupo de trabalho será fixo do clube e, inclusive, renovado pela direção.

As partes discutem a questão e um desfecho é esperado até a próxima quarta-feira (12). Ainda que tome posse apenas na segunda quinzena de dezembro, a nova administração quer agilizar os processos para formatar o quanto antes elenco e departamento de futebol.

Uma mudança esperada em meio a busca pelo novo técnico é o retorno do médico José Luiz Runco, que deve ser o coordenador do departamento e responsável pela nova configuração.

Por conta da viagem logo no início de janeiro para a disputa da Florida Cup, a necessidade de ter a equipe montada antes mesmo da posse de Landim se faz cada vez mais necessária. 

O fato é que Eduardo Bandeira de Mello ainda está no cargo em seus últimos dias, mas o Flamengo já pensa com a cabeça de Rodolfo Landim & cia.

Mais Futebol