Comissão de Sampaoli no Santos pode custar R$ 1 milhão com auxiliares

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Gabriel Rossi/Getty Images

    Sampaoli é obcecado pelo departamento de análise e desempenho e promete reforçar

    Sampaoli é obcecado pelo departamento de análise e desempenho e promete reforçar

O Santos já anunciou o acerto com o técnico Jorge Sampaoli e o UOL Esporte já revelou o ordenado do argentino, que receberá US$ 2 milhões por temporada (cerca de R$ 7,7 milhões), equivalente a US$ 166 mil (R$ 644 mil) por mês. No entanto, a reportagem ainda apurou que o custo com a comissão técnica do gringo pode aumentar após a assinatura do contrato devido ao pagamento de seus auxiliares, responsabilidade do clube.

Explica-se: além de dois auxiliares e o preparador físico, Jorge Desio, o técnico argentino pretende reforçar bastante o departamento de análise e desempenho do Santos, uma das obsessões do treinador. Na conta dos santistas, o valor mensal com a "atualização" dos profissionais deve subir para mais de R$ 1 milhão.

O Santos não vê problemas em relação ao valor e, por isso, até anunciou a contratação de Sampaoli antes do encontro deste sábado, quando será discutido este tema, entre outros assuntos.

Oficialmente o clube paulista não fala em valores e apenas confirma que o argentino e sua comissão técnica devem custar o mesmo valor do "pacote" de Cuca. Já a assessoria de Sampaoli diz que não fala sobre dinheiro e deixou o assunto a cargo do Santos.

A reportagem apurou que Cuca chegou ao Santos ganhando R$ 700 mil mensais, mas o valor aumentou depois da contratação de mais alguns auxiliares - de campo, casos de Eudes Pedro, e de profissionais do departamento de desempenho.

O profissional já sabe que o setor, comandado hoje por Lucas Matheus, conta atualmente com apenas três integrantes. Além de Luquinha, o departamento tem Diogo Meschine e Sérgio Pirata, este analista e cinegrafista.

Sampaoli já avisou por telefone que precisa reforçar o departamento. Ele, inclusive, já indicou alguns profissionais que serão pagos pelo clube paulista. O setor ainda sofreu desfalques com a saída de Cuca. Entre os profissionais do técnico que passou por cirurgia no coração, somente Eudes Pedro permaneceu.

Além disso, Sampaoli pretende conversar com a diretoria santista sobre a estrutura do CT Rei Pelé. O argentino quer se envolver na parte tecnológica do local, falar sobre os aparelhos da academia e até da alimentação.

Premiação alta

Questionado pela reportagem sobre "gatilhos" no contrato de Jorge Sampaoli, dirigentes do Santos alegam o argentino possuem premiações altíssimas. A principal delas é em caso de título da Copa do Brasil. O treinador ganhará também por "fases" alcançadas.

Além disso, o argentino terá premiações por metas no Campeonato Paulista e no Campeonato Brasileiro, além da Copa Sul-Americana.

O Santos alega que Jorge Sampaoli assinou pré-contrato com o clube e só vem ao Brasil no sábado para discutir o planejamento par 2019. A assessoria do técnico argentino confirma o encontro para este fim de semana e diz que o treinador vem com a sua comissão técnica. Eles também descartaram que o Sampaoli possa "recuar" devido a sondagens do futebol dos Estados Unidos.

UOL Cursos Online

Todos os cursos