Quebra-pau no mercado: Como foi o bastidor da oferta do Fla por Arrascaeta

Rodrigo Mattos, Thiago Fernandes e Vinícius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte

  • Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C.

    Arrascaeta tem oferta do Flamengo para ir ao Ninho do Urubu. Jogador quer deixar o Cruzeiro

    Arrascaeta tem oferta do Flamengo para ir ao Ninho do Urubu. Jogador quer deixar o Cruzeiro

Giorgian De Arrascaeta se encontrou com Itair Machado, vice-presidente de futebol do Cruzeiro, na última quinta-feira (3) com o intuito de pedir a mudança para o Flamengo. Já acertado com os cariocas, o uruguaio tentou a liberação da Toca da Raposa II, mas desencadeou uma grande briga com a diretoria celeste.

O empresário Daniel Fonseca, que também agencia o uruguaio, é quem se encarregou de levar a proposta à cúpula cruzeirense. A oferta era de 10 milhões de euros (R$ 42,35 milhões na cotação) por 50% dos direitos econômicos do atleta.

Dono de 25% dos direitos, o Cruzeiro ficaria com 5 milhões de euros (R$ 21,17 mi). A outra metade seria entregue ao Defensor Sporting, do Uruguai. Esta fatia, no entanto, seria repassada ao estafe de Arrascaeta, uma vez que há um acordo do clube de Montevidéu para entregar metade de seu percentual aos representantes do jogador. Desta forma, se houvesse a venda, o camisa 10 seria repartido da seguinte forma: o Flamengo teria 50% dos direitos, o Defensor deteria 25%, mesmo percentual do Supermercados BH.

Antes de viajar à capital de Minas Gerais, Daniel Fonseca havia escutado de Itair Machado que o Cruzeiro se contentaria com uma proposta de 5 milhões de euros por sua fatia de Giorgian De Arrascaeta. O agente conseguiu o valor solicitado pelo cartola e deixou a situação alinhavada, mas ao apresentar o Flamengo como autor da oferta, escutou que não teria negócio.

A reunião se iniciou às 11h (de Brasília) da última quinta-feira. Nas conversas, Daniel Fonseca tentou, em vão, convencer Itair Machado que a mudança para o Ninho do Urubu seria o melhor para o atleta de 24 anos.

Sem sucesso no encontro, o agente chamou o jogador à sala. Arrascaeta pediu ao dirigente cruzeirense para facilitar a mudança para o Rio de Janeiro e deixou claro que a proposta feita pelo Rubro-Negro, salário de aproximadamente R$ 1 milhão, era irrecusável. Itair manteve a postura e descartou aceitar o acordo.

Em uma nova conversa, no período da tarde, sem a presença do meia-atacante, a dupla se desentendeu. Itair foi à imprensa e criticou fortemente o estafe do uruguaio. Os representantes do craque ficaram magoados com a forma do agente se manifestar. O atrito fez com que Arrascaeta não se apresentasse aos dois primeiros treinamentos da temporada.

A discussão se tornou pública, com Arrascaeta insinuando que o dirigente vazou seu telefone celular, e o clube mineiro dizendo que Daniel Fonseca é caloteiro por meio de nota oficial.

No meio do fogo cruzado, o Flamengo mantém interesse no jogador e crê que ainda pode se acertar com o Cruzeiro para ter Arrascaeta em definitivo. O clube, inclusive, tenta manter boa relação com os mineiros. Isso faz com que os cariocas aguardem para recorrer novamente à Câmara Nacional de Resolução de Disputas (CNRD) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pela dívida referente à venda de Mancuello, ocorrida em janeiro de 2018.

Pelo lado do Flamengo, o acordo é considerado alinhavado com o jogador. A informação é a de que bases salariais e tempo de contrato já estão sacramentados, mas falta a resolução da questão junto ao Cruzeiro. A irritação é no que diz respeito ao comportamento do clube mineiro.

Na Gávea, existe claro desconforto com a conduta do Cruzeiro por conta da agressividade do Flamengo no mercado. Segundo os rubro-negros, os mineiros mudaram a postura e travaram as conversas a partir do momento em que souberam que a negociação de Arrascaeta era com o Rubro-negro.

Pesou, a partir daí, o interesse no zagueiro Dedé. Arrascaeta e empresário já deixaram a vontade clara nas tratativas e a expectativa é a de que encontrem uma solução. O Flamengo não vai desistir do uruguaio e tem força nos cofres para isso. Resta saber os próximos passos da novela.

O fato é que Arrascaeta ainda veste azul e tem contrato até dezembro de 2021, mas o vermelho e o preto estão cada vez mais presentes.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos