Topo

Futebol


Corinthians, Palmeiras e SPFC fazem vídeo emocionante contra feminicídio

Do UOL, em São Paulo

2019-03-08T13:05:00

08/03/2019 13h05

Corinthians, Palmeiras e São Paulo se uniram no Dia Internacional da Mulher para divulgar o projeto "Tem Saída", que tem como objetivo "o empoderamento financeiro das mulheres vítimas de violência doméstica". Os três rivais paulistas postaram nas redes sociais o vídeo de um relato de uma mulher, identificada como Juliana, que sofreu violência doméstica.

Juliana relata no vídeo que as agressões começaram pouco tempo após o casamento. O marido, de nome não informado, a impedia até de amamentar a filha do casal. "Ele dizia que o seio era dele, que o corpo era dele e que minha filha era um verme".

As agressões continuaram durante a gestação do segundo filho do casal, que nasceu prematuro, de acordo com Juliana. "Ele foi ressuscitado no caminho da UTI. Ele (marido) falava que ele tinha que morrer, porque preferia ele morto do que um menino deficiente".

O vídeo reuniu um representante de cada clube: Basílio, ídolo do Corinthians, Fred, apresentador do Canal Desimpedidos e torcedor do Palmeiras, e Luciano Chuquer, repórter da São Paulo TV.

"Esse problema atinge famílias corintianas, palmeirenses e são-paulinas e está longe de acabar, mas começa a encontrar uma saída", diz a descrição do vídeo.

O projeto "Tem Saída" foi idealizado pela promotora de Justiça Maria Gabriela Manssur e criado pela Prefeitura de São Paulo juntamente com o Ministério Público, Tribunal de Justiça, Defensoria Pública, OAB-SP e ONU Mulheres. Corinthians, Palmeiras e São Paulo tornaram-se colaboradores do projeto.

Mais Futebol