Topo

Brasileirão - 2019


Avaí e CSA empatam na Ressacada e seguem sem vencer no Brasileiro

Do UOL, em São Paulo (SP)

12/05/2019 20h59

Em duelo de clubes recém-promovidos à elite do Brasileirão, Avaí e CSA se enfrentaram na Ressacada na noite de hoje e empataram em 0 a 0. Assim, os dois times seguem amargando a zona de rebaixamento e ainda não somam nenhuma vitória na competição.

Com o resultado, o Avaí chega a dois pontos em quatro jogos e fica em 19º lugar, enquanto o CSA, com três pontos, sobe para 17º na tabela, à frente do Grêmio, que tem apenas dois. O próximo compromisso do time de Geninho no Brasileiro será contra o Vasco em São Januário, no domingo (19). Já o CSA visitará o Internacional no Beira-Rio.

Primeiro tempo morno

O primeiro tempo foi bem fraco, com o Avaí trocando passes e buscando abrir espaços contra a retranca do time alagoano, que teve dificuldade para sair jogando e não pode contar com Apodi, poupado por conta de uma forte gripe. Houve apenas uma chance para cada lado: Daniel Amorim bateu da entrada da área e assustou o goleiro Jordi. Pouco depois, Madson aproveitou cruzamento de Matheus Sávio, mas também errou a pontaria.

Jogo esquenta no segundo tempo

O CSA voltou melhor do intervalo. Logo aos oito minutos, em nova jogada com Madson, Matheus Sávio bateu com perigo na área e obrigou o goleiro Vladimir a fazer uma grande defesa. Depois do susto, os donos da casa seguiram trocando passes.

Cabo manda os atacantes para o campo

Diante da inefetividade do meio de campo, o técnico Marcelo Cabo tirou os meias Madson e Matheus Sávio - autores das principais jogadas de perigo até então - para lançar os atacantes Maranhão e Robinho. A estratégia foi boa - a melhor chance do CSA no segundo tempo saiu justamente pelos pés de Robinho, mas Didira fez o corte na hora certa.

Avaí martela, mas não faz

Mais aberto, o CSA tentou prender a bola, mas acabou dando espaços demais para o Avaí. Com mais liberdade, o time levou perigo novamente com Daniel Amorim, mas Leandro Castán fez um corte preciso. Lourenço também teve uma boa chance, defendida pelo goleiro Jordi - o goleiro chegou a perder alguns treinos durante a semana por conta de uma virose, mas voltou a tempo e repetiu a boa atuação com o Santos. No fim, Jones Carioca conseguiu receber uma boa bola perto da área, mas foi desarmado por Celsinho na hora da finalização.

Vaias no fim

Diante do jogo de poucas emoções e poucas chances criadas pelos dois lados, os torcedores presentes na Ressacada vaiaram muito o Avaí após o apito final. E os times seguem em busca da primeira vitória na Série A...

Volante Nilton faz sua estreia

Apesar do empate, o duelo marcou a estreia do volante Nilton no CSA. Vindo do Bahia, ele foi anunciado como reforço do time alagoano na semana passada e fez sua parte em campo fechando os espaços do adversário.

FICHA TÉCNICA
AVAÍ 0 X 0 CSA

Data e hora: 12 de maio de 2019, domingo, às 19h (de Brasília)
Local: Ressacada, em Florianópolis (SC)
Motivo: 4ª rodada do Campeonato Brasileiro
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvlho (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)
VAR: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Público: 4.852 torcedores
Cartões amarelos: Luan Pereira, Nilton e Luciaon Castán
Cartões vermelhos: -
Gols: -

AVAÍ: Vladimir; Iury (Lourenço), Ricardo, Betão e Igor Fernandes; Mosquera (André Moritz), Pedro Castro, João Paulo e Luan Pereira; Getúlio (Jones Carioca) e Daniel Amorim. Técnico: Geninho

CSA: Jordi; Celsinho, Gerson, Luciano Castán e Armero; Naldo, Nilton, Didira, Madson (Maranhão) e Matheus Savio (Robinho); Cassiano (Victor Paraíba). Técnico: Marcelo Cabo