Topo

Palmeiras

Diogo repete Felipão para defender jogo do Palmeiras: "futebol é resultado"

Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação
Diogo Barbosa voltou a atuar bem com a camisa do Palmeiras Imagem: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

Do UOL, em São Paulo

2019-05-14T14:40:54

14/05/2019 14h40

Melhor defesa e melhor ataque do país, primeira colocação geral na Libertadores e liderança do Brasileirão com invencibilidade recorde. Os feitos do Palmeiras até aqui não são suficientes para evitar que o time seja criticado pela ausência de um futebol bonito. Diogo Barbosa explicou que isso não preocupa o elenco.

Em entrevista coletiva concedida hoje na Academia de Futebol, o lateral esquerdo repetiu o mantra de Felipão ao dizer que o importante é ter o resultado. O treinador nunca esconde quando é perguntado que o estilo de jogo não é sua maior preocupação na hora de comandar um time.

"Quando se trata do Palmeiras sempre vai ter especulação, dúvida. Nosso time vem bem nos jogos, acho que nem sempre vamos conseguir jogar bonito, como a maioria quer. Temos que ser eficientes e a maioria dos jogos tem sido assim. Somos eficientes, defendemos bem, atacamos bem e futebol é resultado. Conquistando os resultados, consequentemente as coisas vão acontecer. Não adianta jogar bem e perder os três pontos. Nossos torcedores precisam ter ciência que o futebol é resultado", afirmou o atleta.

A terça-feira é o primeiro dia de preparação do Palmeiras para retomar os trabalhos após a folga de ontem. O objetivo da semana será o confronto com o vice-líder Santos, no Estádio do Pacaembu, no próximo sábado. Até por isso, ele comentou brevemente que o duelo contra o Godoy Cruz, pela Libertadores, será difícil só pelo fato de o adversário ser argentino.

Com o foco no Nacional, Diogo afirmou que confia no que será preparado por Felipão e sua equipe para o duelo contra o time que tem chamado a atenção justamente pelo estilo de jogo implantado por Jorge Sampaoli.

"O jogo com o Santos vai ser difícil, eles estão jogando bem. A gente sabe da qualidade do adversário, do treinador. Temos que nos preparar bem porque vai ser uma pedreira. Mas nosso time também vem bem, estamos encontrando o caminho", analisou.

"Todo mundo conhece o Sampaoli, sabe da qualidade e que ele tem implantando isso no Santos. Nos jogos a gente vê isso. A qualidade dos treinamentos sendo executada nos jogos. Sabemos da dificuldade. Vamos nos encontrar agora com o Felipão, ele vai passar o que tem em mente para enfrentar o Santos. Nada mais justo do que darmos a moral para ele para enfrentar o Sampaoli", finalizou.