Topo

Armero, Manga Escobar e Maidana são flagrados em bar e podem deixar CSA

Armero foi um dos gringos do CSA flagrados no bar - Reprodução site oficial do CSA
Armero foi um dos gringos do CSA flagrados no bar Imagem: Reprodução site oficial do CSA

Marcello De Vico

Do UOL, em Santos (SP)

20/05/2019 20h29

Os colombianos Pablo Armero e Manga Escobar e o argentino Cristian Maidana foram flagrados em um bar na madrugada de sexta-feira para sábado, antes da viagem para Porto Alegre, onde enfrentaram o Internacional, e podem ter seus contratos rescindidos com o CSA.

A informação foi revelada pelo Globoesporte.com e confirmada pelo UOL Esporte. Segundo apurou a reportagem, os três jogadores foram a um bar de Maceió, chamado Conversa Botequim, na sexta à noite, e por lá ficaram até a madrugada do sábado.

O caso mais grave foi o do ex-palmeirense Pablo Armero. Relacionado para a partida contra o Inter, ele estava no ônibus que levaria a delegação até o Aeroporto de Maceió, mas foi retirado do veículo após ter as fotos, tiradas por torcedores, vazadas.

Depois disso, Armero ainda foi visto em outro bar por volta do 12h. Em seu lugar, Rafinha acabou relacionado para ficar no banco de reservas - Carlinhos já seria o titular da lateral esquerda.

Manga Escobar e Cristian Maidana estavam vetados pelo departamento médico - ambos por lesão na coxa - e já não viajariam com a delegação para Porto Alegre. O colombiano ainda não jogou no Brasileiro, enquanto o argentino atuou por 25 minutos contra o Palmeiras, mas acabou deixando o campo justamente por conta da lesão.

Em contato com o UOL Esporte, o presidente do Conselho Deliberativo do CSA, Raimundo Tavares, disse que o clube ainda decidirá qual atitude tomar em relação aos estrangeiros. Uma reunião deve acontecer entre amanhã e quarta, e as rescisões de contrato não estão descartadas.

Ainda sem vencer no Campeonato Brasileiro, o CSA soma três pontos em cinco jogos e ocupa o 18º lugar da tabela. O time volta a campo na próxima segunda-feira (27), quando recebe o Goiás no estádio Rei Pelé, às 20h.