Topo

Esporte


Tuchel reforça que estrelas do PSG podem sair: "Não posso ser ingênuo"

Thomas Tuchel, técnico do PSG, gesticula durante jogo - REUTERS/Regis Duvignau
Thomas Tuchel, técnico do PSG, gesticula durante jogo Imagem: REUTERS/Regis Duvignau

Do UOL, em São Paulo

26/05/2019 15h22

De contrato renovado, Thomas Tuchel voltou a comentar sobre a possibilidade de perder atletas importantes do PSG. Depois de evitar cravar a permanência de Neymar e Mbappé para a próxima temporada, o treinador reforçou hoje (26) o desejo em contar com todas as estrelas do plantel, mas afirmou que não pode ser ingênuo.

"Como treinador, meu desejo é claro: quero que todos meus jogadores permaneçam no PSG e sigam com nosso projeto. O trabalho não está terminado, acaba de começar. Meu desejo é claro, mas não posso prometer isso. Seria ingênuo e não posso ser ingênuo nesse negócio", disse, em entrevista à "Sky Sports" enquanto assistia o Grande Prêmio de Fórmula 1, em Mônaco.

Como já havia dito durante a semana, quando classificou o mercado de transferência como "louco", Tuchel evitou falar sobre especulações e valorizou a qualidade de seus jogadores.

"Estou acostumado com isto. Agora é maio, o que eu disser pode não estar certo no mês que vem. As coisas são como são. Existem muitas especulações, o que significa que temos muita qualidade e talento", completou.

Em sua primeira temporada no clube, Tuchel levou o time à conquista do Campeonato Francês, mas fracassou no maior desafio: a Liga dos Campeões. O PSG foi eliminado em casa pelo Manchester United nas oitavas de final. O clube ainda ficou sem as conquistas da Copa da França e da Copa da Liga Francesa.

Mais Esporte