Topo

Atlético-MG lutou para manter Nathan, mas ainda não o usou após renovação

Nathan renovou com o Atlético-MG, mas ainda não foi utilizado por Rodrigo Santana - Bruno Cantini/Divulgação/Atlético-MG
Nathan renovou com o Atlético-MG, mas ainda não foi utilizado por Rodrigo Santana Imagem: Bruno Cantini/Divulgação/Atlético-MG

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

20/07/2019 04h00

O Atlético-MG entrou em uma negociação complicada para manter Nathan por pelo menos mais seis meses no elenco comandado por Rodrigo Santana. O técnico, inclusive, foi um dos defensores da renovação do empréstimo. O jogador, porém, ainda não teve oportunidades após a extensão do vínculo.

Ligado ao Chelsea, da Inglaterra, Nathan estava emprestado ao Atlético até 30 de junho passado. A princípio, a permanência na Cidade do Galo não era uma intenção dos britânicos. Contudo, após um pedido de Rodrigo Santana, o diretor de futebol Rui Costa buscou acordo com o estafe do atleta, liderado por Giuliano Bertolucci e pelo iraniano Kia Joorabchian.

A dupla à frente da carreira de Nathan tem boa relação com Roman Abramovich, proprietário do Chelsea, e intercedeu a favor do Galo. Em 4 de julho, as diretorias chegaram a um consenso. O anúncio veio quatro dias mais tarde, em 8 de julho, após a assinatura de todos os documentos.

Regularizado na CBF desde então, Nathan ainda não teve oportunidades após a extensão do vínculo. Ele não ficou nem no banco de reservas nos jogos contra o Cruzeiro, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

No primeiro confronto, além dos titulares Cazares, Luan e Chará, a comissão técnica contou com Vinícius, Rómulo Otero, Geuvânio e Maicon Bolt. Na partida de volta, as opções foram as mesmas. A diferença é que Luan perdeu a condição de titular para o venezuelano Otero.

O meio-campista só foi relacionado no jogo contra a Chapecoense, pela 10ª rodada do Brasileirão. Na ocasião, Rodrigo Santana optou por utilizar um time considerado alternativo. Apesar da aparição, Nathan não deixou o banco de reservas. O treinador preferiu acionar nomes como Bruninho, Maicon Bolt e Rafael Papagaio.

Para enfrentar o Fortaleza, amanhã, às 16h (de Brasília), Nathan ainda não está confirmado entre os relacionados. É possível que o camisa 23 apareça na lista de Rodrigo Santana, que pretende poupar alguns jogadores visando a partida contra o Botafogo, na próxima quarta-feira (24), pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana.