Topo

Esporte


Suíça arranca virada heroica, faz 5 e elimina a Bélgica da Liga das Nações

Bélgica sofreu uma virada extremamente surpreendente e acabou eliminada da Liga das Nações - Arnd Wiegmann/Reuters
Bélgica sofreu uma virada extremamente surpreendente e acabou eliminada da Liga das Nações
Imagem: Arnd Wiegmann/Reuters

18/11/2018 19h37

A Suíça contrariou os prognósticos e o peso do regulamento, venceu de virada a Bélgica por 5 a 2, em Lucerna, e se tornou neste domingo (18) a terceira classificada à fase final da Liga dos Nações, se juntando assim a Portugal e Inglaterra.

Líderes da chave até este domingo, os algozes do Brasil na última Copa do Mundo começaram o jogo infernizando os anfitriões, com dois gols do meia Thorgan Hazard, aos 2min e aos 17min do primeiro tempo. Com isso, a seleção da casa era obrigada a fazer quatro gols para poder levar a melhor no confronto direto, primeiro critério de desempate, já que havia perdido na ida.

Ainda na etapa inicial, aos 26min, a reação suíça começou com o lateral esquerdo Ricardo Rodríguez convertendo cobrança de pênalti. Aos 31min, o atacante Haris Seferovic fez o segundo e, aos 44min, o terceiro gol, virando o marcador, para delírio da torcida.

Na etapa complementar, a almejada vantagem de dois gols saiu aos 22 minutos, marcando a volta por cima do zagueiro Nico Elvedi, que testou para as redes, se recuperando de falha no primeiro gol, quando errou tentativa de passe dentro da área e deixou Thorgan Hazard frente a frente com o goleiro Yann Sommer.

Para evitar uma nova reviravolta no placar, os donos da casa ainda marcaram um quinto gol, aos 39 do segundo tempo, outra vez com Seferovic. Nos acréscimos, ainda houve tempo para o sexto, quando o volante Denis Zakaria foi lançado e ficou cara a cara com o goleiro Thibaut Courtois, que fez defesa espetacular.

A Suíça é a terceira classificada para a fase final da competição, que será disputada em Portugal, entre 5 e 9 de junho de 2019. A última vaga sairá amanhã, do jogo entre Holanda e Alemanha, em Roterdã, que terá os anfitriões buscando um empate para desbancar a França e avançar.

Liga B

Pela Liga B, o único jogo realizado envolveu duas seleções com destinos já traçados. A eliminada Áustria venceu a rebaixada Irlanda do Norte por 2 a 1, em Belfast, pela última rodada do grupo 3. Os meias Xaver Schlager e Valentino Lazaro marcaram para os visitantes. O volante Corry Evans descontou.

No grupo 2 da Liga C, a já promovida Finlândia se despediu da competição com derrota para a Hungria por 2 a 0, em Budapeste, resultado que livrou os donos da casa da queda para o último nível. A Grécia, por sua vez, perdeu para a já rebaixada Estônia por 1 a 0, em Atenas.

Na Liga D, houve a definição do grupo 2, com Belarus garantindo a primeira colocação e o acesso, graças a vitória sobre San Marino por 2 a 0, fora de seus domínios, com gols do meia Stanislaw Drahun e do atacante Anton Saroka. Luxemburgo, que também tinha chances, empatou com a Moldávia em 1 a 1, na casa do adversário.

Mais Esporte