Minotauro tem vida agitada e divide MMA com negócios, filme e Dança dos Famosos

Luiza Oliveira
Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação/TV Globo

    Minotauro (meio) e Minotouro (e) usam camisa da academia na novela Fina Estampa

    Minotauro (meio) e Minotouro (e) usam camisa da academia na novela Fina Estampa

Um dos principais lutadores brasileiros da atualidade, Rodrigo Minotauro é um dos grandes responsáveis pela explosão do MMA no país. Mas engana-se quem pensa que ele ganha a vida apenas aplicando golpes e nocauteando seus adversários. Com uma rotina agitada, se divide entre negócios, filme e até a Dança dos Famosos.

  • Amauri Nehn e Francisco Cepeda/AgNews

    Minotauro forma par com a dançarina Juliana Valcézia na nona edição da "Dança dos Famosos

Além de um atleta de sucesso, Minotauro se transformou em um grande empresário. É sócio de seis academias de lutas espalhadas pelo Brasil, Estados Unidos e  Suíça, é dono de uma marca de roupas e suplementos e ainda tem um projeto social no Rio de Janeiro.

E não para por ai. Já está próximo de abrir mais 12 filiais da Team Nogueira pelo interior de São Paulo, Estados Unidos e Austrália e mais um instituto para crianças no Complexo do Alemão.

Aos 35 anos, o peso pesado do UFC já tem a vida engatilhada para quando encerrar a carreira esportiva, em aproximadamente dois anos. Mas mesmo com a agenda tomada por treinamentos, lutas e viagens atualmente, já observa tudo de perto, faz questão de participar das reuniões com os sócios e a família e dá seus pitacos.

"Eu sempre tive um tino empresarial. Levava quimono do Brasil para vender nos Estados Unidos quando estava começando a carreira. Nossos quimonos são os melhores. Minha mãe já tinha uma academia na Bahia e eu fui aprendendo", conta.

"Mas errei muito também. Já tive uns dez negócios que não deram certo e aprendi com os erros. O importante é se associar às pessoas certas que entendem do assunto", disse o lutador, que abriu sua primeira academia aos 21 anos nos EUA.

OS NEGÓCIOS DA FAMÍLIA NOGUEIRA

- Seis filiais da academia Team Nogueira. São duas nos EUA, uma no Brasil e três na Suiça. Outras 12 serão abertas no interior de São Paulo, nos EUA e na Austrália. Apenas no Rio de Janeiro, já são 500 alunos.

- Marca de roupas esportivas Minotauro, vendidas com representantes, em lojas e na loja virtual Minotauro Store. O lutador dá palpite nos modelos e testa para que fiquem adequados à prática esportiva.

- Marca de suplementos alimentares

- Revista MMA Combate que já está em sua quarta edição

- Agenciamento de 30 atletas de MMA. Desses, 20 estão entre os considerados 'top' no Brasil

Uma das atividades de maior prazer do atleta é o projeto social no Rio de Janeiro. O Instituto Irmãos Nogueira já existe no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste da cidade, e ganhará outra sede no Complexo do Alemão. A ideia é melhorar a vida de mil crianças usando os conceitos do esporte, especialmente das artes marciais.

"Mais que atletas, queremos formar cidadãos com a filosofia da arte marcial que prega respeito, disciplina, hierarquia, treinamento. Se de mil crianças, 50 virarem atletas, 100 se tornarem professores de lutas e 800 incorporarem os valores do esporte, olha quantas vidas serão mudadas".

A ideia surgiu de uma viagem a Cuba no ciclo olímpico de 2004 quando viu milhares de crianças brincando em piscinas, quadras e pistas. "Eu achei lindas aquelas crianças. E sinto que preciso retribuir à sociedade o que eu conquistei com o esporte", conta.

LUTADOR TAMBÉM SE DEDICA A UM FILME

Minotauro ainda encontra tempo para se dedicar a um filme. Ele vem participando das gravações e das reuniões do documentário que vai contar sua história de vida. É dirigido e produzido pelo português Fernando Serzedelo, o mesmo que produziu o "Incrível Hulk", "2012" e "Velozes e Furiosos".

O filme está sendo gravado há um ano e meio e fala muito sobre a superação do esportista que sofreu um grave acidente com onze anos ao ser atropelado por um caminhão. Ele chegou a ficar quatro dias em coma e internado por um ano.

Recentemente, Minotauro assumiu mais um compromisso em sua vida e decidiu apostar em um projeto ousado. Ao lado de celebridades, vai participar da Dança dos Famosos, no programa Domingão do Faustão, da TV Globo.

A rotina de treinos também é puxada e começa nesta semana com ensaios de terça a sexta de 10h ao meio dia. Dos estúdios da emissora, ele sairá correndo para os treinos de MMA que pratica diariamente de 12h30 às 14h.

O lutador garante que a brincadeira não vai atrapalhar sua preparação para enfrentar o francês Cheick Kongo no UFC 149, dia 21 de julho, em Calgary, no Canadá. E, mesmo sem domínio do assunto, está animado com o novo desafio.

"É uma chance de o público que nunca me conheceria em uma luta me conhecer. A tia da minha mãe nem sabia direito que eu lutava, mas quando saí na Dança dos Famosos ligou para mim. Acredito que mais gente vai passar a me conhecer. De repente a imagem de lutador durão, agressivo vai mudar um pouco", diz ele que já escuta as piadas dos amigos. "Nego vai zoar. Cara, eu não estou nem aí."

Rodrigo Minotauro
Rodrigo Minotauro

Últimas de Esporte



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos