Carille diz não contar com Henrique Dourado: "A não ser que mude algo"

Do UOL, em São Paulo

  • Lucas Merçon/Fluminense

Henrique Dourado pediu para não defender o Fluminense no clássico contra o Botafogo. O movimento poderia aumentar os rumores de uma possível negociação com o Corinthians. Apesar disso, o técnico Fábio Carille disse não contar com a chegada do atacante para o planejamento para a temporada.

"O Henrique Dourado, pelo que meu presidente passou, pela minha diretoria, não conto esse ano. A não ser que mude alguma coisa esses dias", afirmou Carille, em entrevista coletiva após a vitória do Corinthians por 4 a 0 sobre o São Caetano, neste domingo (21).

No último sábado (20), o técnico do Fluminense, Abel Braga, afirmou que Dourado não continuará no Fluminense. O jogador teria pedido para não entrar em campo contra o Botafogo. "Ele quer sair. Ele já tem tudo acertado para ir embora. Não posso contar com o jogador nessas condições", afirmou.

A postura do Corinthians, contudo, se mantém. O clube paulista entrará no negócio apenas se os valores da negociação abaixarem. Na última conversa, o atacante pediu R$ 500 mil mensais de salário, além de direitos de imagem que fariam dele o jogador mais bem pago do elenco corintiano.

O Corinthians planeja contar com mais um centroavante para a temporada. Com a saída de Jô, o clube deixou uma vaga reservada para um 9 nas inscrições do Campeonato Paulista.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos