Corinthians agenda pagamento, e Carille já se programa para voltar ao clube

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

  • Paulo Whitaker/Reuters

    Fábio Carille já se programa para voltar ao Brasil e assinar contrato com o Corinthians

    Fábio Carille já se programa para voltar ao Brasil e assinar contrato com o Corinthians

O retorno de Fábio Carille ao Corinthians está cada vez mais perto de acontecer. A diretoria do clube alvinegro, que demitiu Jair Ventura na tarde desta segunda-feira (3), prometeu realizar nesta terça-feira (4) o pagamento da rescisão de contrato do treinador com o Al-Wehda, time da Arábia Saudita.

A transferência do valor de 700 mil dólares (R$ 2,67 milhões) é a única pendência para a concretização da volta de Carille ao Corinthians. Diante da iminência do pagamento, o treinador já se programa para voltar ao Brasil para assinar o contrato - a equipe saudita entrará em campo na próxima sexta-feira pela 12ª rodada do Nacional. Segundo apuração do UOL Esporte, uma reunião com os dirigentes do Al-Wehda definirá a data do retorno.

O Corinthians chegou a um acerto com Carille na última segunda-feira (26). Na ocasião, o clube já se mostrava otimista em relação ao retorno, pois entendia que a saída do técnico do Al-Wehda não seria um problema.

Quatro integrantes da comissão técnica de Carille irão acompanhá-lo: o auxiliar técnico Leandro da Silva, o preparador físico Walmir Cruz, o observador técnico Mauro da Silva e o analista de desempenho Denis Luup - todos eles deixaram o Corinthians ao lado do treinador.

Carille deve voltar ao Corinthians depois de uma rápida passagem pelo Al-Wehda, time da Arábia Saudita. O treinador de 45 anos deixou o time paulista no fim de maio, depois de receber uma proposta milionária.

Ele se tornou treinador do Corinthians no começo de 2017, após a saída de Oswaldo de Oliveira. Cinco meses depois, ele levou o time alvinegro à conquista do Estadual. No fim do ano, a equipe se sagrou campeã brasileira. Em 2018, faturou o Paulistão novamente

No total, o técnico comandou a equipe alvinegra em 114 jogos, com 59 vitórias, 32 empates e 23 derrotas, incluindo as partidas que fez como interino, em 2010 e 2016. No Al-Wehda, Carille soma apenas 11 partidas, com seis vitórias, três empates e duas derrotas.

Sem Carille, o Corinthians passou por momentos instáveis na temporada e só se livrou do rebaixamento no Brasileirão na penúltima rodada, após empatar sem gols com a Chapecoense em Itaquera.

Após a saída de Carille, Osmar Loss comandou o time em 25 jogos, com dez vitórias, cinco empates e dez derrotas. Depois, Jair Ventura esteve à frente da equipe alvinegra em 19 partidas, com quatro vitórias, seis empates e nove derrotas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos