Topo

Corinthians

Comprar ingresso
Comprar ingresso

Como Love passou de "falso 10" a "verdadeiro 9" em 4 meses de Corinthians

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
Atacante marcou seu quinto gol em 2019 ontem, em duelo contra o Lara (VEN) pela Sul-Americana Imagem: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Arthur Sandes

Do UOL, em São Paulo

2019-05-24T12:00:00

24/05/2019 12h00

Vagner Love chegou ao Corinthians tentando cavar uma vaga no time como 'falso 10', visto que a disputa pelo comando de ataque àquela altura já tinha Gustavo e Boselli. De lá para cá passaram-se quatro meses, e o posicionamento do atacante mudou com enorme frequência até ele se reencontrar como 'verdadeiro 9', sua posição de origem.

Ele ainda se destaca pela versatilidade, mas tem rendido bem mesmo é como homem de frente. Foi nesta posição que marcou gols nos dois jogos mais recentes, vitórias sobre Athletico e Deportivo Lara (VEN), e com isso ganhou ainda mais a confiança de Fábio Carille. "Hoje", avisa o treinador, "ele é o nosso 9 até a parada da Copa América."

Mas nem sempre foi assim. Desde o início do ano, Carille deixa claro que quer ter Love ao lado de um centroavante. "Será o [camisa] 9 mais o Love", afirmou já na semana da contratação do jogador. Daí veio a expressão "falso 10", cunhada pelo próprio Love em sua apresentação.

De lá para cá as tentativas foram muitas, incluindo novo experimento ontem, na vitória por 2 a 0 sobre o Deportivo Lara: Love começou como centroavante, depois flutuou ao redor de Gustavo e assim deu maior presença de área ao Corinthians - ambos fizeram gols na partida. Na entrevista coletiva após o jogo, Carille admitiu que o desempenho do atacante como "9" o tem feito mudar de ideia.

O tal "falso 10", aliás, não chega a ser uma fixação do treinador. Na cabeça dele, Vagner Love pode ser usado em quatro posições: de centroavante, atrás do centroavante ou pelos lados do campo. Não foram raras as ocasiões em que o dono da camisa 9 virou ponta direita, sendo até uma espécie de 12º jogador do Timão em certo ponto desta temporada.

Mas na última semana as circunstâncias devolveram o camisa 9 à função de camisa 9: Gustagol ainda não tem plenas condições após lesão, e Boselli vive fase dramática, sem gols. Assim, Carille recorreu a Vagner Love. Ele já havia quebrado galho de centroavante em jogos anteriores, mas só ganhou sequência contra Athletico e Lara (VEN), e agora é dono da posição. Pelo menos até que Gustagol retome 100% da forma.

Reveja os gols de Corinthians 2 x 0 Deportivo Lara (VEN):