Palmeiras tem lista de emprestados que retornam, mas só um terá chance

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

  • Gabriel Machado/AGIF

    Raphael Veiga se destacou no Atlético-PR e terá chances no Palmeiras

    Raphael Veiga se destacou no Atlético-PR e terá chances no Palmeiras

Passadas as comemorações pela conquista do decacampeonato brasileiro, o Palmeiras poderá colocar 100% de suas atenções no planejamento de 2019. No momento, o que está na mesa de Luiz Felipe Scolari é uma lista de atletas que pertencem ao clube e estavam emprestados durante a temporada 2018.

São quase 20 jogadores que deveriam retornar à Academia de Futebol. A maioria deles, no entanto, não faz parte dos planos do atual campeão do país. É bem provável que apenas Raphael Veiga, que estava emprestado no Atlético-PR, tenha uma chance logo de cara com o elenco profissional.

Os outros precisarão aproveitar oportunidades, como lesões dos titulares, e se destacar o mais rápido possível se quiserem chamar a atenção de Felipão. 

Erik, por exemplo, se destacou na reta final do Brasileirão pelo Botafogo, mas teria concorrência pesada por uma chance. Nomes como Borja, Deyverson e até mesmo Arthur Cabral, contratado do Ceará, largam à frente. Para os lados, o clube conta com Dudu, Willian, Gustavo Scarpa, Guerra, Hyoran, Jean e Artur e ainda receberão o reforço de Zé Rafael. Os cariocas sonhavam com a manutenção do atacante, mas um novo empréstimo está descartado. A comissão ainda sonha em dar chance a Papagaio, centroavante da base.

A lista ainda tem jogadores que já foram tratados como apostas e revelações, como Juninho, que foi para o Atlético-MG e não está nos planos da comissão, e o meio-campista Matheus Sales, que jogou no Figueirense e ficou famoso em 2015 após parar Lucas Lima na final da Copa do Brasil.

Fabiano, autor do gol do título do Brasileirão de 2016, contra a Chapecoense, aguarda a definição de sua posição. O Internacional manifestou interesse em mantê-lo, mas o Alviverde só topa o negócio caso ele seja definitivo. No momento, os gaúchos gostariam de um novo empréstimo.

O Palmeiras renovou o contrato por cinco anos com Mayke, que era do Cruzeiro, e ainda tenta a manutenção de Marcos Rocha, do Atlético-MG. Lucas Taylor, que estava no Boa Esporte, e Lucas, que estava no Vitória, são nomes que sonham com espaço no setor. 

Allione, por sua vez, chegou a ter chance de vestir o uniforme do Palmeiras neste ano e não conseguiu se firmar. Voltou a ser emprestado para o Bahia e, agora, precisará voltar à Academia de Futebol em janeiro se não concretizar uma negociação antes disso. 

A lista ainda tem nomes de atletas que não caíram no gosto do torcedor e que dificilmente voltarão a ser testados com a camisa alviverde, como é o caso do zagueiro Leandro Almeida e do goleiro Vagner, que estavam no Londrina, e de Arouca, que está no Vitória e só tem contrato até janeiro de 2019.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos