Novo reforço do Barcelona já fez Neymar perder a cabeça e CR7 chorar

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Divulgação/FC Barcelona

    Murillo vestiu pela primeira vez a camisa do Barcelona na última quinta-feira (20)

    Murillo vestiu pela primeira vez a camisa do Barcelona na última quinta-feira (20)

As lesões de Samuel Umtiti e Thomas Vermaelen obrigaram o Barcelona a agir rápido no mercado de inverno. Antes mesmo da abertura da janela no mês de janeiro, o clube catalão anunciou a contração do colombiano Jeison Murillo. A alternativa encontrada pelo clube catalão tem um passado de confusão com duas das maiores estrelas do futebol mundial: uma querida na Catalunha e outra que rivalizou por anos com os blaugranas.

Neymar e Cristiano Ronaldo se envolveram em episódios de indisciplina com Murillo no papel de antagonista. Em ambos, os dois astros acabaram expulsos depois de desentendimento com o novo reforço do Barça, que chega por empréstimo até o fim da temporada ao atual líder do Campeonato Espanhol. Há a opção de compra em julho na casa dos R$ 110 milhões.

A confusão com Neymar ocorreu em 2015, em duelo entre Brasil e Colômbia pela Copa América do Chile. Frustrado com a derrota para os colombianos, Neymar chutou uma bola que atingiu o lateral Armero. Murillo tratou de tomar satisfação e se aproximou do brasileiro, que fez um movimento de cabeçada responsável por gerar um empurra-empurra entre os atletas.

Ricardo Mazalan/AP Photo
Murillo fez o gol da vitória colombiana e arrumou confusão com Neymar

O astro brasileiro acabou retirado da confusão e encaminhado aos vestiários. Entretanto, o chute em Armero e a intenção de dar uma cabeçada em Murillo, que desqualificou qualquer tentativa de agressão, resultaram no cartão vermelho para Neymar, em um dos lances que simbolizaram a campanha frustrante no Chile - a seleção comandada por Dunga acabou eliminada nas quartas de final para Paraguai.

O atrito com Cristiano Ronaldo, por outro lado, é mais recente. Em setembro, quando estreava pela Juventus na Liga dos Campeões, o português acabou expulso justamente por se envolver em um desentendimento com o novo zagueiro colombiano do Barcelona, que na época ainda defendia o Valencia.

Murillo trombou com Cristiano Ronaldo e caiu no chão, basicamente alegando uma agressão por parte do português. O camisa 7 da Juve se aproximou para cobrar o adversário por querer cavar a punição e colocou a mão na cabeça do colombiano, que imediatamente se levantou para discutir.

Os dois foram separados por companheiros de Juventus e Valencia, mas o breve embate trouxe consequência para o astro do clube italiano. Eram apenas 29min do primeiro tempo, mas a arbitragem decidiu expulsar Cristiano Ronaldo pelo entrevero com Murillo. 

REUTERS/Heino Kalis
Cristiano Ronaldo se revoltou com a expulsão ocorrida após entrevero com Murillo

A revolta pelo vermelho até despertou até lágrimas no português, que agora pode reencontrar o colombiano na fase de mata-mata da Liga dos Campeões.

Murillo se beneficia de uma mudança no regulamento, agora permissivo quanto a um jogador atuar por dois times na mesma edição de Liga dos Campeões, desde que a nova inscrição seja nesta fase mais decisiva de mata-mata. Cada time pode inscrever até três novos atletas sem restrições.

UOL Cursos Online

Todos os cursos